Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Adeus a tecnologias 'stealth': novo radar russo pode detectar aviões furtivos

Tecnologias russas capazes de detectar aviões furtivos do inimigo podem vir a fazer parte do sistema da defesa antiaérea unida da OTSC – Organização do Tratado de Segurança Coletiva, declarou o chefe do Estado-Maior Conjunto da aliança, Anatoly Sidorov.
Sputnik

Inovações russas capazes de desativar tecnologias furtivas do inimigo podem vir a ser usadas na criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, declarou militar, citado pelo jornal Rossiyskaya Gazeta. Sidorov comentou que essas inovações seriam eficazes tanto contra aviação do inimigo como contra ataques com mísseis.



O sistema Rezonans-NE funciona graças ao princípio de reflexão ressonante de ondas de rádio da superfície de aparelhos aéreos, facilitando vigilância de aeronaves e mísseis do inimigo, explicou Aleksandr Scherbinko, vice-diretor executivo da empresa de design Rezonans.

"Este modelo pode ser de grande interesse, levando em consideração criação do sistema de defesa antiaérea unida da OTSC, cuja inauguração est…

Trump: Coreia do Norte deve se organizar ou terá problemas

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a alertar a Coreia do Norte nesta quinta-feira. Segundo ele, o país asiático “deve se organizar” ou terá problemas “como poucas nações já tiveram” no mundo.


Sputnik

O aviso de que a Coreia do Norte experimentaria “fogo e fúria e poder de um jeito que o mundo nunca viu” pode não ter sido suficientemente duro, disse Trump.


O presidente eleito dos EUA, Donald Trump (foto de arquivo)
Donald Trump, presidente dos EUA | Joe Hong/AP

O presidente dos EUA acrescentou que o governo comunista em Pyongyang deveria ficar “muito, muito nervoso”, se eles agirem para atacar os EUA ou seus aliados em lugares como Guam.

"Se a Coreia do Norte fizer qualquer coisa em termos de até pensar em ataques de alguém que gostamos ou representamos, ou nossos aliados ou nós, eles devem ficar muito, muito nervosos. Porque coisas acontecerão com eles, como nunca pensaram ser possíveis. Ok?", comentou.

Trump ainda aproveitou para apontar como Pequim pode e deve fazer mais para acabar com a busca da Coreia do Norte pelo desenvolvimento do seu programa nuclear.

“O que eles vem fazendo, sem serem punidos, é uma tragédia”, disse Trump, observando como a busca pela Coreia do Norte do míssil balístico armado nuclear vem ocorrendo por 25 anos sob presidentes anteriores dos EUA.

Ainda de acordo com o presidente estadunidense, não há no momento planos para um ataque preventivo contra o regime de Kim Jong-un.

"Nós não falamos sobre isso. Nós nunca fazemos. Nós sempre consideraremos as negociações, mas eles estão negociando agora por 25 anos", comentou, deixando aberta a possibilidade de dialogar com o país asiático.

O republicano elogiou ainda os votos favoráveis de Rússia e China às mais recentes sanções aplicadas contra Pyongyang pelo Conselho de Segurança da ONU.


Postar um comentário