Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Morte made in Brazil: conflitos no Oriente Médio alavancam exportação de armamento do país

Uma missão árabe chegou ao Brasil interessada na compra de cargueiros KC-390 fabricados pela Embraer. A visita é resultado do esforço do Grupo Parlamentar Brasil-Arábia Saudita, criado no início deste mês, para aproximar os dois países no campo de defesa militar.
Sputnik

O KC-390 vai substituir os Hércules C-130 da Força Aérea Brasileira (FAB), é o maior avião produzido na América e foi concebido como um jato militar de transporte, anunciado pela primeira vez na edição de 2007 da Latin America Aero & Defence (LAAD), no Rio de Janeiro. A produção do avião, com capacidade para 23 toneladas de carga, envolve parcerias com fornecedores de peças de Argentina, Portugal e República Tcheca. Com um custo unitário de US$ 85 milhões, o KC-390, em fase final de testes, tem recebido propostas de compra de vários países.



A compra do cargueiro, porém, é apenas um detalhe na exportação brasileira de armamentos não só para a Arábia Saudita, como também para vários países do Oriente Médio e do Norte d…

EUA começaram a transportar sistemas THAAD adicionais para Coreia do Sul

Militares norte-americanos começaram a transportar quatro sistemas adicionais THAAD de defesa antimísseis a partir da base dos EUA na cidade sul-coreana de Osan ao lugar acordado de instalação, informa a agencia Yonhap.


Sputnik

Cerca de dez veículos saíram da base de Osan às 00h32, horário local (12h32, horário de Brasília). A coluna está sendo acompanhada pela polícia local, segundo a Yonhap. 


THAAD norte-americano chega para Coreia do Sul
THAAD norte-americano chega a Coreia do Sul © REUTERS/ USFK/Yonhap

Na quarta-feira (6), Seul informou sobre a instalação de quatro sistemas THAAD adicionais numa base norte-americana na Coreia do Sul após o teste nuclear realizado por Pyongyang no fim de semana passado. Os novos sistemas serão instalados na quinta-feira (7) na nova base em Seongju, a 300 quilômetros de Seul.

Em julho de 2016, após 5 meses de negociações, os EUA e a Coreia do Sul acordaram em instalar em território sul-coreano o sistema THAAD, que será usado para interceptar mísseis balísticos da Coreia do Norte, caso seja necessário.

A decisão tem causado preocupações da Rússia e da China, enquanto o Japão se expressou a favor desses planos, afirmando que a instalação do sistema contribuirá para a paz e estabilidade na região.


Postar um comentário