Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Especialista: exército sírio deteve 300 militares franceses de diversas patentes

O presidente Vladimir Putin, em conversa com o presidente sírio Bashar Assad, em Sochi, declarou que, devido ao sucesso da luta antiterrorista das forças sírias e ao início do processo político, as tropas estrangeiras deveriam se retirar do território da Síria.
Sputnik

"A declaração de Vladimir Putin durante seu encontro com Bashar Assad, sobre a necessidade da retirada dos contingentes estrangeiros da Síria, arruína os sonhos dos agressores, que contam com a tentativa de realizar seus objetivos na região através de mercenários criminosos", disse à Sputnik Árabe Akram al Shalli, analista da Gestão Síria de Crise e Guerras Preventivas.

"Nas mãos do exército sírio há oficiais dos serviços de inteligência dos EUA, Grã-Bretanha, países árabes e Israel. Por exemplo, só o número de militares franceses de diversos escalões é de 300 pessoas. Notamos tentativas de exercer pressão sobre o governo sírio, inclusive para libertar os militares estrangeiros presos. Mas esses sonhos não p…

Exército sírio expulsa Daesh das principais posições na estrada Palmira-Deir ez-Zor

O Ministério da Defesa da Rússia declarou que o exército sírio está avançando em direção à cidade de Deir ez-Zor com apoio da aviação russa.


Sputnik

As forças governamentais da Síria expulsaram os terroristas do Daesh (organização proibida na Rússia e em vários outros países) das principais posições na estrada entre Palmira e Deir ez-Zor, afirmou o Ministério da Defesa russo.


Ataques contra as posições do Daesh perto de Deir ez-Zor
 Ataque ao Daesh em Deir ez-Zor © Sputnik/ Mikhail Voskresensky

"As unidades das Forças Armadas da Síria realizaram ofensiva em direção a Al-Sukhnah [cidade], expulsando os terroristas do Daesh de posições que eram controladas por eles na estrada entre Palmira e Deir ez-Zor", declarou o Ministério russo.

O Ministério adicionou que o grupo das Forças Armadas da Síria, realizando a operação para libertar Deir ez-Zor, avançou 8 km nas últimas 24 horas e capturou duas alturas estratégicas na região.

Os ataques aéreos russos nos arredores de Der ez-Zor, para prestar auxílio ao exército sírio, deixaram mais de 70 terroristas mortos e feridos, disse o Ministério. No total, os aviões militares da Rússia realizaram 80 incursões de combate para apoiar a ofensiva de Damasco.

De acordo com o Ministério, "dois tanques, três veículos de combate de infantaria, mais de 10 veículos fora de estrada equipados com armas pesadas foram destruídos durante os ataques aéreos da Rússia. No total, os terroristas perderam 70 combatentes, que foram mortos ou feridos".

Segundo o Ministério da Defesa russo, a vitória sobre os terroristas do Daesh em Deir ez-Zor e a quebra do bloqueio terrorista na cidade "será uma perda estratégica do grupo internacional terrorista na Síria".


Postar um comentário