Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia adverte exército sírio contra entrada em Manbij

O comunicado foi divulgado poucos dias depois de pelo menos quatro soldados americanos terem sido mortos em um atentado suicida na cidade de Manbij, no norte da Síria, cuja responsabilidade foi assumida pelo Daesh (grupo terrorista proibido em Rússia e em vários outros países).
Sputnik

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores turco, Hami Aksoy, alertou as Forças Armadas do governo sírio para que não tentassem entrar na cidade de Manbij, localizada no norte da Síria.


"Às Unidades de Proteção Popular curdas na Síria (YPG) não deveria ser permitido deixar que as forças do regime [do presidente sírio Bashar Assad] entrem em Manbij", disse Aksoy em uma entrevista coletiva na sexta-feira (18). Ele também destacou que "a retirada das tropas norte-americanas da Síria não deveria ajudar os terroristas das YPG e do Partido de União Democrática curdo (PYD)".

As declarações foram feitas depois que nesta quarta-feira (16) na cidade síria de Manbij ocorreu uma explosão em u…

Falta libertar apenas 15% do território sírio para vencer Daesh, diz general russo

Falta "limpar" apenas 15% dos terroristas para a Síria ser libertada completamente do Daesh, afirmou o chefe do Estado-Maior da aviação russa no país árabe, tenente-general Aleksandr Lapin.


Sputnik

"Até o momento, 85% do território da Síria foi libertado dos militantes das tropas paramilitares ilegais. Para eliminar completamente o Daesh do território sírio, falta libertar uns 27 mil quilômetros quadrados do território da república", de acordo com o militar russo.


Militares sírios acenam com as mãos depois de ter tomado o controle da vila de Kiffin, província de Aleppo, Síria, 11 de fevereiro de 2016
Militares sírios em Kiffin, Aleppo © AFP 2017/ GEORGE OURFALIAN

O ministério sublinhou que a operação contra militantes do Daesh e da Frente al-Nusra (ambas organizações terroristas proibidas na Rússia) continuará até a derrota definitiva das organizações.

O território das zonas controladas pelo Daesh tem sido diminuído significativamente nos últimos meses. Com o apoio da Força Aeroespacial russa, o exército sírio conseguiu libertar as áreas de Hama e Homs, Latakia, Palmira e Aleppo. No momento, combates contra o Daesh estão sendo travados no leste e no centro do país. No início de setembro, forças governamentais, juntamente com aliados, conseguiram entrar na cidade de Deir ez-Zor, controlada por terroristas há três anos.

Segundo o chefe do Estado-Maior General da Rússia, Sergei Rudskoi, o rompimento do cerco foi a maior vitória sobre extremistas na Síria de todos os tempos.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas