Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Oficial americano joga culpa para Israel pelo ataque às forças sírias

No domingo (17), a mídia síria relatou ataque ao povoado sírio Al-Harra, província de Deir ez-Zor, na fronteira com o Iraque, supostamente realizado pela coalizão internacional, liderada pelos EUA, tendo como alvo forças governamentais. Porém, um oficial americano culpou Israel pelo ataque.
Sputnik

Anteriormente, uma fonte militar relatou à mídia síria que drones "provavelmente americanos" bombardearam Al-Harra, entre Abu Kamal e Al-Tanf.

Segundo dados das Forças de Mobilização Popular iraquianas, o ataque matou 22 soldados iraquianos. O Observatório Sírio de Direitos Humanos, por sua vez, disse que o número total de vítimas corresponde a 52 pessoas, citado pelo Haaretz.

"Entre [os mortos] estão ao menos 30 militares iraquianos e 16 sírios, incluindo soldados e membros da milícia leal ao governo", afirmou à mídia o chefe do Observatório Sírio, Rami Abdel Rahman.

Comentando a notícia, o porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, Adrian Rankine-Galloway, descartou que W…

Militares e Sendero Luminoso se enfrentam pelo 2º dia consecutivo no Peru

Remanescentes do Sendero Luminoso atuam em conivência com os traficantes de drogas da região, a quem supostamente dão segurança em troca de financiamento.


EFE

Militares do Peru e os remanescentes do grupo armado Sendero Luminoso travaram neste sábado (23) um segundo confronto com fogo cruzado, pelo segundo dia consecutivo, sem que tenham sido registrados feridos, anunciou o Comando Conjunto das Forças Armadas em um comunicado.

Imagem relacionada
Terroristas do Sendero Luminoso

O confronto ocorreu nas proximidades da comunidade de Puerto San Antonio, situada na província de Tayacaja, na região de Huancavelica (centro do país).

O local fica dentro da região conhecida como Vale dos Rios Apurímac, Ene e Mantaro (VRAEM), a maior bacia cocaleira do Peru, sob controle militar constante, por hospedar os últimos remanescentes do grupo guerrilheiro.

Após o combate, as patrulhas da 31ª brigada de infantaria do Comando Especial do VRAEM encontraram um fuzil AKM com dois carregadores que continham 25 cartuchos, nove granadas de mão e 280 cartuchos de calibre 5,56 mm.

O VRAEM, composto por 46 municípios de cinco regiões diferentes, é uma zona extensa da vertente oriental dos Andes peruanos, coberta em grande parte por uma selva frondosa onde se origina 70% das 400 toneladas de cocaína que o Peru produz por ano, segundo estimativas oficiais.

As autoridades peruanas sustentam que os remanescentes do Sendero Luminoso atuam em conivência com os traficantes de drogas da região, a quem supostamente dão segurança em troca de financiamento.

O Sendero Luminoso, fundado por Abimael Guzmán com o objetivo de replicar no Peru a revolução chinesa de Mao Tsé-tung através de violência e terrorismo, é o principal responsável dos cerca de 69 mil mortos no conflito interno ocorrido no Peru entre 1980 e 2000, segundo a Comissão da Verdade e da Reconciliação do país.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas