Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Kim Jong-un: Após 'declaração de guerra feroz', Trump e os EUA pagarão caro

Em um raro pronunciamento, o líder norte-coreano Kim Jong-un disse nesta sexta-feira (horário local) que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu povo "pagarão caro"pelas “palavras excêntricas” que pregaram a destruição da Coreia do Norte.
Sputnik

Em seu discurso na Assembleia Geral da ONU, Trump afirmou que os EUA estão prontos para a "destruição total" da Coreia do Norte, caso isso se faça necessário.


Além disso, o presidente estadunidense chamou Kim de "Homem Foguete", pelo que considera uma "tática suicida" de provocações contra Washington e o resto dos seus aliados na Ásia.

"Agora estou pensando muito sobre a resposta que ele poderia ter esperado quando ele se permitiu que palavras tão excêntricas tropeçassem da sua língua", disse Kim, em declarações reproduzidas pela Agência Central de Notícias da Coreia (KCNA).

"Qualquer coisa que Trump possa ter esperado, ele enfrentará resultados além de suas expectativas. Eu vou, …

Ministro da Defesa do Japão: Teste nuclear norte-coreano foi mais poderoso que pensávamos

Na terça-feira, o ministro da Defesa do Japão disse que o sexto e mais recente teste nuclear da Coreia do Norte era mais poderoso do que o pensado originalmente, já que a explosão possuía um rendimento muito maior do que a bomba atômica que caiu em Hiroshima em 1945.


Sputnik

A Coreia do Norte detonou o que descreveu como uma bomba de hidrogênio no domingo em seu local de teste nuclear Punggye-ri, alegando que a arma foi projetada para um míssil de longo alcance.


Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte durante as manobras militares
Kim Jong-un © REUTERS/ KCNA

A Organização do Tratado de Proibição de Testes Nucleares (CTBTO) disse originalmente que a bomba teve um rendimento estimado de 70 quilotons, mas na terça, o ministro japonês da Defesa, Itsunori Onodera, disse aos jornalistas que uma revisão atualizada da CTBTO estimou o rendimento para cerca de 120 quilotons.

Isso tornaria o explosivo de Pyongyang oito vezes mais poderoso do que a bomba que os EUA deixaram cair em Hiroshima, no Japão, no final da Segunda Guerra Mundial. Essa explosão teve um rendimento equivalente a 15 quilotons de TNT.

"Podemos perceber que o teste nuclear mostrou uma capacidade bastante alta", disse Onodera, de acordo com Dawn.

Enquanto o ministro da Defesa indiano, Arun Jaitley, visitava Tóquio, o primeiro-ministro Shinzo Abe, disse no início do dia que o comportamento da Coreia do Norte só será frustrado por uma frente unida. "Se poderemos conter o ato ultrajante da Coreia do Norte ou não, isso dependerá da unidade entre os membros da comunidade internacional", disse Abe.

Washington está pedindo sanções mais rigorosas contra o Norte. Uma reunião de emergência do Conselho de Segurança foi convocada pela embaixadora dos EUA nas Nações Unidas, Nikki Haley, logo após a detonação. Os EUA apresentarão novas sanções para serem votadas já na próxima semana.

O Japão está desenvolvendo planos de evacuação para cidadãos japoneses na Coreia do Sul em caso de conflito, enquanto o presidente russo, Vladimir Putin acredita que as sanções econômicas contra o Norte serão "inúteis e ineficazes".


Postar um comentário