Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia quer ajudar Iraque a combater curdos em Kirkuk

A Turquia informou nesta segunda-feira que estava pronta para ajudar o governo iraquiano a expulsar os combatentes curdos da cidade de Kirkuk, informou AFP.
Sputnik

Ancara teme que a eventual independência do Curdistão iraquiano pode desencadear movimentos semelhantes entre a população curda na Turquia e saudou a operação das forças iraquianas para expulsar as forças do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) de Kirkuk.


"Estamos prontos para qualquer forma de cooperação com o governo iraquiano de modo a acabar com a presença do PKK no território do Iraque", disse o ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu.

O Conselho de Segurança Nacional do Iraque afirmou neste domingo que considerará a presença de militares curdos em Kirkuk como um "declaração de guerra".

Na segunda-feira, as forças iraquianas tomaram amplos territórios nos arredores da cidade, bem como uma base militar, um aeroporto e um campo petrolífero.

Em 2014, as tropas peshmerga curdas …

'Olho que vê tudo': EUA lançam novo satélite espião ao espaço

Um foguete portador Atlas V, com o satélite de reconhecimento NROL-42 do Escritório Nacional de Reconhecimento (NRO, sigla em inglês), foi lançado em 24 de setembro a partir da Base Aérea de Vandenberg, no estado americano da Califórnia, informou o portal Space.com.


Sputnik

Esse satélite se destina a identificar ameaças potenciais para a segurança nacional dos EUA. De acordo com vários especialistas, o objetivo principal do NROL é detectar lançamentos de mísseis no hemisfério norte através de sensores infravermelhos.


Foguete americano Atlas V
Foguete norte-americano Atlas V © flickr.com/ Official U.S. Navy Page

Embora o lançamento do satélite devesse ter ocorrido em 22 de setembro, o NRO e a United Launch Alliance (ULA) tiveram que o adiar por uma falha de baterias do foguete Atlas V.

"Este lançamento é o culminar de muitos meses de trabalho da empresa ULA e do NRO", afirmou o coronel da Força Aérea dos EUA Gregory Wood. Ele também sublinhou a importância do sucesso desta missão.

O tenente-coronel do esquadrão de lançadores espaciais, Kenneth Decker, declarou que este lançamento "é um bom exemplo de trabalho em equipe de várias organizações que trabalharam dia e noite para garantir a segurança dos norte-americanos".

Em 29 de junho de 2016, a ULA lançou a partir base aérea de Cabo Canaveral um foguete Atlas V com o satélite de reconhecimento NROL-61 a bordo. Além disso, em 1 março de 2017, o satélite espião NROL-79 foi posto em órbita.


Postar um comentário