Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Moscou revela fotos de material bélico dos EUA nas posições do Daesh

O Ministério da Defesa da Rússia publicou na sua conta no Facebook fotos aéreas de posições do Daesh (organização proibida na Rússia), perto da cidade de Deir ez-Zor, nas quais se vê material bélico dos EUA.
Sputnik

"Graças às fotografias aéreas captadas entre 8 e 12 de setembro de 2017, perto das posições do Daesh foi detectado um grande número de veículos blindados norte-americanos Hummer que estão em serviço das forças especiais dos EUA", informou o ministério.


Segundo o ministério, nas fotos é claramente visível o posicionamento das forças especiais dos EUA em pontos de apoio que anteriormente foram equipados pelos terroristas. Nas fotos não há nenhuns vestígios de ataques, bem como de confrontos com os terroristas ou crateras provocadas por ataques aéreos realizados pela coalizão internacional liderada pelos EUA.

"Embora os pontos de apoio dos destacamentos das Forças Armadas dos EUA estejam nas zonas das atuais posições do Daesh, não existem quaisquer vestígios de pre…

Sapadores da Rússia estão prontos para desminar Deir ez-Zor

Os sapadores do Centro Internacional Anti-Minas das Forças Armadas da Rússia acabam de ser enviados à Síria para desminar a cidade de Deir ez-Zor.


Sputnik

O destacamento avançado do Centro Internacional Anti-Minas das Forças Armadas da Rússia irá efetuar trabalhos destinados a limpar Deir ez-Zor de minas, informa o Departamento da Informação e Comunicação do Ministério da Defesa russo.


Sapador russo ao lado de um sistema robótico Uran-6 (foto de arquivo)
Sapador russo ao lado de um sistema robótico Uran-6 © Sputnik/ Sergei Pivovarov

Mais cedo, o ministério russo informou que o Exército sírio, apoiado pela Força Aeroespacial da Rússia, derrotou completamente o Daesh na área de Deir ez-Zor. Destaca-se que essa vitória é estimada como a maior dos últimos três anos.

"Mais de 40 especialistas do Centro Internacional Anti-Minas das Forças Armadas da Federação da Rússia, sete unidades de material militar blindado e um grupo de cinólogos com cães treinados para buscar minas foram transferidos para o aeródromo sírio de Hmeymim pela aviação de transporte militar", diz o comunicado do ministério.

Além disso, o comunicado indica que, em breve, os militares russos vão se dirigir para os bairros libertados de Deir ez-Zor para realizar o reconhecimento e estimar a escala da futura neutralização de minas.

No total, 175 militares do Centro Internacional Anti-Minas e 42 unidades de equipamento especial, incluindo os modernos complexos robotizados Uran-6, serão enviados à Síria para efetuar a desativação de minas.

Em primeiro lugar, os sapadores irão desminar as estradas que ligam as principais infraestruturas sociais da cidade, bem como esses mesmos prédios: hospitais, escolas, estações de fornecimento de água e eletricidade, bem como monumentos históricos, etc., sublinha o comunicado.


Postar um comentário