Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Pyongyang: 3 porta-aviões perto da Coreia do Norte são uma ameaça de guerra nuclear

A ONU "fecha os olhos aos exercícios de guerra nuclear dos EUA, que estão empenhados em causar um desastre catastrófico para a humanidade", declarou o embaixador norte-coreano na ONU, Ja Song-nam.
Sputnik

As autoridades norte-coreanas classificaram na segunda (13) o deslocamento sem precedentes de 3 grupos de porta-aviões dos EUA para a zona da península da Coreia como uma "postura de ataque".


O representante norte-coreano permanente na ONU, Ja Song-nam, expressou em uma carta enviada ao secretário-geral da ONU o descontentamento do seu governo com os exercícios militares de Seul, Tóquio e Washington. Estes, segundo o diplomata, estão criando "a pior situação para a península da Coreia e seus arredores".

"Os EUA são os principais responsáveis por escalar as tensões e comprometer a paz", declarou Ja Song-nam.

Além da presença de 3 porta-aviões estadunidenses (Nimitz, Ronald Reagan e Theodore Roosevelt), Washington continua realizando voos de bombarde…

Submarinos russos atacam com mísseis posições do Daesh na Síria (VÍDEO)

Os submarinos da Marinha russa Veliky Novgorod e Kolpino dispararam mísseis de cruzeiro Kalibr contra vários pontos do Daesh, declara o Ministério da Defesa da Rússia.


Sputnik

"Os pontos terroristas foram atacados com sete mísseis de cruzeiro", informa o comunicado do ministério.


Sumbarino russo Kolpino
Submarino russo Kolpino © Sputnik/ Aleksei Danichev

De acordo com o ministério russo, os submarinos Veliky Novgorod e Kolpino do projeto 636.3 dispararam mísseis de cruzeiro Kalibr contra as posições dos jihadistas na Síria.

Segundo a informação divulgada, a distância entre submarinos e as posições do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia) foi entre 500 e 670 km.

Os serviços de controle russos confirmaram que "todos os alvos planejados foram eliminados".

Em particular, "postos de comando e de comunicação, armazéns de armamentos e munições terroristas nos bairros controlados pelo Daesh ao sudeste da cidade de Deir ez-Zor".

Mais cedo, o Ministério da Defesa da Rússia comunicou que na manhã do dia 5 de setembro, a fragata Admiral Essen da Frota do Mar Negro da Rússia, que está cumprindo missões no mar Mediterrâneo, disparou mísseis de cruzeiro Kalibr contra alvos do grupo terrorista Daesh perto da cidade síria de Deir ez-Zor.


Postar um comentário