Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Por que negociações entre Washington e Pyongyang estão condenadas ao fracasso?

Em vez de proferir mais ameaças, a administração Trump deve mostrar que é um parceiro de negociação confiável, escreve o The National Interest, acrescentando que é importante enviar sinais claros agora.
Sputnik

O presidente norte-americano Donald Trump continua tratando a sua administração como uma brigada de salvamento para a diplomacia internacional, mas os norte-coreanos não são estúpidos e não confiam em promessas, afirma o autor do The National Interest Doug Bandow no seu recente artigo.


"O desmantelamento nuclear da Líbia, em muito forçado pelos EUA no passado, se revelou um modo de agressão por meio da qual os norte-americanos convenceram os líbios com tais palavras doces como 'garantia de segurança' e 'melhoramento das relações' para desarmar o país e depois destruí-lo pela força", conforme notou o Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Norte, acrescentando que os norte-coreanos percebem as intenções dos EUA.

O autor, lembrando o caso da Líbia, …

Arábia Saudita fecha compra dos sistemas de defesa aérea S-400 avançados da Rússia

A Arábia Saudita concordou em comprar o sistema avançado de defesa aérea S-400 da Rússia, informou nesta quinta-feira a emissora Al Arabiya.


Sputnik

No início do dia, o jornal Kommersant informou que, durante a visita que o rei saudita Salman bin Abdulaziz Al Saud faz à Rússia, vários contratos da indústria de defesa no valor de mais de US$ 3 bilhões, inclusive os que envolvem o sistema S-400, poderiam ser assinados.


Sistema de mísseis russo S-400
Sistema antiaéreo S-400 Triumph © Sputnik/ Valery Melnikov

Em novembro, o embaixador russo na Arábia Saudita, Oleg Ozerov, disse à Sputnik que Riad estava interessado em comprar os sistemas S-400.

O S-400 Triumph é o sistema de mísseis de superfície móvel de próxima geração da Rússia que transporta três tipos diferentes de mísseis, capazes de destruir alvos aéreos em um alcance curto a extremamente longo.

O armamento integra um radar multifuncional, sistemas autônomos de detecção e direcionamento, sistemas de mísseis antiaéreos, lançadores e um centro de comando e controle.

Até o momento, a Rússia assinou contratos para a entrega dos sistemas S-400 com a China e a Turquia, enquanto as negociações estão em andamento com a Índia.


Postar um comentário