Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia não considera Patriot como alternativa ao S-400, diz parlamentar turco

Washington está negociando com Ancara quanto à possibilidade de fornecimento dos sistemas de defesa antiaérea norte-americanos Patriot no lugar dos S-400 russos, escreveu a revista turca Sabah, citando a assessora do Secretário de Estado dos EUA em questões políticas, Tina Kaidanow.
Sputnik

Kaidanow relevou que o Departamento do Estado está negociando com a Turquia para "tentar dar a entender aos turcos o que se pode fazer em relação aos Patriot".

"Estamos preocupados que a compra dos sistemas russos de defesa antiaérea seja uma espécie de apoio para a Rússia que, pelo que vimos, não se comporta bem em várias partes do mundo, inclusive na Europa", afirmou a assessora, citada pela edição turca.

Um representante do Ministério das Relações Exteriores turco, que pediu anonimato, comentou à Sputnik Turquia sobre a situação quanto às compras dos S-400 por Ancara, bem como quanto ao diálogo com os EUA.
"A nossa postura em relação aos S-400 foi reiterada por diversas vezes…

Duterte revela 'presente' secreto da Rússia às Filipinas

A Rússia doou às Filipinas cerca de 5.000 fuzis de assalto Kalashnikov para apoiar sua luta contra os terroristas do Daesh (organização terrorista proibida em muitos países, incluindo na Rússia), declarou o presidente do país asiático, Rodrigo Duterte, citado pela agência Reuters.


Sputnik

O presidente das Filipinas assegurou que os jihadistas "não desapareceram e se reagruparam para atacar em qualquer parte".


Duterte testa os armamentos
O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, testa o armamento © Foto: REUTERS/Romeo Ranoco

"Teremos os Kalashnikov", indicou, acrescentando que Moscou deseja "manter esta doação em segredo".

Ao mesmo tempo, Duterte afirmou que o acordo será assinado até fim de outubro. O mandatário está satisfeito, pois militares filipinos já não precisam utilizar armas de segunda mão adquiridas nos EUA.

Segundo declarou à Reuters um funcionário do Ministério da Defesa das Filipinas, Manila (capital do país) também obterá milhões de cartuchos de munições, bem como dezenas de caminhões blindados russos.

Além disso, cinco navios militares russos já chegaram ao país para entregar parte da doação.

Em junho, Manila declarou que planeja — pela primeira vez na história 
 adquirir armas da Rússia, bem como revelou seus planos de assinar o acordo em questão até o fim do ano.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas