Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Japão defende aumento pressão sobre Pyongyang após oferta de dialogo dos EUA

O Japão defendeu nesta quarta-feira que se aumente a pressão sobre a Coreia do Norte, com o objetivo de que esta "mude suas políticas", e reiterou seu apoio total aos Estados Unidos, após a notícia de um possível diálogo bilateral sem condições prévias entre Washington e Pyongyang.
EFE

"Os dois líderes de Japão e Estados Unidos definiram sua política sobre a Coreia do Norte e esta inclui a máxima pressão sobre o país (...) Além disso, a Casa Branca confirmou que não mudou sua postura a respeito", afirmou hoje o ministro porta-voz do governo japonês, Yoshihide Suga.


Durante uma entrevista coletiva, Suga ressaltou "a estreita relação entre Estados Unidos e Japão", depois que o secretário de Estado americano, Rex Tillerson, afirmou que a ameaça da Coreia do Norte é "a mais imediata" e que continuará com a diplomacia "com a esperança de êxito até que caia a primeira bomba".

Neste sentido, Tillerson se pronunciou ontem sobre a possibilidade de …

Exército sírio cerca Daesh no leste da Síria

Foi comunicado que as Forças Armadas da Síria e seus aliados cercaram os militantes do Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e em vários outros países) na cidade de Mayadin na parte oriental da Síria.


Sputnik

A operação do exército sírio visando o cerco dos militantes do Daesh na cidade síria de Mayadin está sendo realizada, revelou à Sputnik este domingo (8) uma fonte que conhece a situação.


Exército sírio (foto de arquivo)
Exército sírio © Sputnik/ Mikhail Voskresenskiy

"Tropas de assalto [do exército sírio] estão limpando áreas nos arredores ocidentais de Mayadin", disse a fonte.

Ontem (8), o Ministério da Defesa russo relatou sobre a eliminação de um posto de comando do Daesh na área de Mayadin, tendo cerca de 80 militantes sido eliminados, incluindo comandantes importantes da organização terrorista.

Anteriormente nesta sexta-feira (6), as tropas governamentais da Síria e seus aliados realizaram uma operação militar contra as forças do Daesh na parte oriental da província síria de Homs, libertando 1.800 quilômetros quadrados do território.

​A cidade de Mayadin é o maior bastião do Daesh na província vizinha de Deir ez-Zor. Os terroristas usaram-no para acumular armas e recursos humanos a fim de lançar ataques contra as cidades de Palmira e Deir ez-Zor.

As forças da Síria têm mantido a ofensiva na área em torno de Deir ez-Zor. A maior parte dos militantes foi empurrada vários quilômetros ao leste e através do rio Eufrates. Entretanto, os militantes do Daesh começaram fugindo a Mayadin em direção aos arredores de Deir ez-Zor.


Postar um comentário