Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia acionará judicialmente os EUA, caso entregas dos F-35 sejam bloqueadas

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia recorrerá a medidas jurídicas caso as entregas dos F-35 sejam bloqueadas pelos EUA.
Sputnik

Ibrahim Kalin citou para a mídia turca que "não é nada fácil rescindir este contrato, somos parte de um contrato multilateral, cumprimos com todas as exigências e pagamos, caso os EUA não cumpram, recorreremos à lei".

O Congresso americano decidiu recentemente suspender as entregas dos caças americanos de quinta geração F-35 à Turquia devido aos planos de Ancara de adquirir o sistema de defesa antiaérea russo S-400, além de ameaçá-la com sanções em diversas ocasiões, como citado em artigo da Sputnik Mundo.

O avançado sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler, na classificação da OTAN) é capaz de abater alvos aéreos com tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro e mísseis balísticos táticos e táticos-operacionais, tem um alcance de até 400 km e pertence à geração 4+, sendo duas vezes mais eficaz que seus antecessores.

Os se…

Flotilha do Mar Cáspio treina lançamento de mísseis

O navio-chefe da Flotilha do Mar Cáspio, o navio costeiro Tatarstan, e o navio ligeiro Grad Sviazhsk realizaram com sucesso disparos de mísseis contra alvos marinhos e costeiros no âmbito das manobras da Flotilha do Mar Cáspio, disse o chefe da assessoria de imprensa do Distrito Militar do Sul, Vadim Astafiev.


Sputnik

Durante a primeira etapa dos exercícios, a tripulação do navio Grad Sviyazhsk, simulando um combate naval, realizou lançamentos de mísseis Kalibr de alta precisão. O míssil destruiu um alvo convencional (imitação de um navio do "inimigo"). A tripulação do Tatarstan também treinou o disparo de um míssil antinavio.


Grad Sviyazhsk
Grad Sviyazksk © Foto: Zelenodolsk Shipyard

Juntamente com o Tatarstan e o Grad Sviyazhsk, os navios Dagestan, Uglich e Veliky Ustiug realizaram lançamentos eletrônicos de mísseis (sem lançamento real de projéteis).

Durante a segunda etapa dos exercícios, a tripulação do Grad Sviyazhsk efetuou com sucesso lançamentos de mísseis Kalibr contra alvos costeiros, destruindo um posto de comando do inimigo convencional.

"Para garantir a segurança da navegação civil durante as manobras, o polígono marítimo onde foram realizados os disparos de mísseis foi fechado para os navios civis", acrescentou Astafiev.

Essas manobras são a etapa final dos treinamentos de verão deste ano da Flotilha do Mar Cáspio. Dos exercícios nos polígonos marítimos do mar Cáspio participam mais de 20 navios de guerra, incluindo os navios porta-mísseis russos Tatarstan e Dagestan, três navios ligeiros Grad Sviazhsk, Uglich e Veliky Ustiug e os navios de artilharia Makhachkala, Astrakhan e Volgodonsk.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas