Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Pyongyang: 3 porta-aviões perto da Coreia do Norte são uma ameaça de guerra nuclear

A ONU "fecha os olhos aos exercícios de guerra nuclear dos EUA, que estão empenhados em causar um desastre catastrófico para a humanidade", declarou o embaixador norte-coreano na ONU, Ja Song-nam.
Sputnik

As autoridades norte-coreanas classificaram na segunda (13) o deslocamento sem precedentes de 3 grupos de porta-aviões dos EUA para a zona da península da Coreia como uma "postura de ataque".


O representante norte-coreano permanente na ONU, Ja Song-nam, expressou em uma carta enviada ao secretário-geral da ONU o descontentamento do seu governo com os exercícios militares de Seul, Tóquio e Washington. Estes, segundo o diplomata, estão criando "a pior situação para a península da Coreia e seus arredores".

"Os EUA são os principais responsáveis por escalar as tensões e comprometer a paz", declarou Ja Song-nam.

Além da presença de 3 porta-aviões estadunidenses (Nimitz, Ronald Reagan e Theodore Roosevelt), Washington continua realizando voos de bombarde…

Ministro da Defesa russo: situação na fronteira ocidental pode se agravar

O Ministro da Defesa da Rússia Sergei Shoigu constatou na sexta (27) que a situação político-militar ao longo da fronteira ocidental da Rússia continua tensa.


Sputnik

Além disso, a situação tem tendência para se agravar, afirmou o ministro russo, falando na reunião colegial do ministério, informa o Rossiyskaya Gazeta.


Treinamentos bilaterais de grande escala da defesa antiaérea e da aviação da Região Militar Ocidental
Soldado russo em treinamento na Região Militar Ocidental © Sputnik/ Ministério da Defesa da Rússia

Ele acrescentou que na Polônia e no Báltico estão posicionados 4 grupos táticos multinacionais a nível de batalhão com até 5 mil militares em total.

Ao mesmo tempo, uma brigada blindada e uma brigada de aviação do exército dos EUA estão estacionadas na Polônia e na Alemanha.

Entretanto, nos países da Europa de Leste continuam os trabalhos de instalação dos elementos do sistema da defesa antimíssil dos EUA.

"A intensidade e a escala das iniciativas de preparação tática de combate das forças dos países membros da OTAN perto das nossas fronteiras está crescendo. Só nos últimos 3 meses, no território da Europa de Leste e do Báltico foram realizados mais de 30 exercícios militares", apontou o ministro da Defesa russo.

Os militares russos, de acordo com Sergei Shoigu, estão reforçando as forças efetivas para neutralização de possíveis ameaças e desafios que surjam perto das fronteiras ocidentais russas.

O ministro acrescentou que foram tomadas mais de 20 medidas destinadas ao aumento do potencial militar na Região Militar Ocidental. Além disso, as forças que operam na área vão receber mais de 1,8 mil peças de equipamento militar novo e modernizado até o fim do ano.

Ele sublinhou que uma grande atenção é prestada à entrega às tropas de armas e equipamentos avançados e modernizados. Os fornecimentos de novidades em armamento e equipamento militar estão sincronizados com a criação de infraestruturas para o seu armazenamento e manutenção.


Postar um comentário