Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

ONG: EUA mobiliza terroristas no sul da Síria para atacar Ghouta Oriental

Os militares norte-americanos estão mobilizando combatentes de diversos grupos armados com objetivo de atacar os subúrbios orientais de Damasco, disse à Sputnik o chefe da rede de direitos humanos na Síria, Ahmad Kazem.
Sputnik

"Neste momento os EUA estão juntando os combatentes do Daesh e outros grupos, inclusive os de Idlib, e tenta os transferir para At-Tanf e depois para Ghouta Oriental (subúrbio de Damasco), com objetivo de se contrapor ao exército sírio, que pretende liberar a região dos terroristas", disse Kazem. 


Segundo o defensor dos direitos humanos, os financiadores da Arábia Saudita ordenaram que os terroristas já localizados em Guta Oriental empreendam o máximo dos esforços para resistir às tropas de Damasco.

"Eles continuarão a atacar Damasco de forma caótica com seus morteiros", acrescentou o entrevistado.

Os terroristas, que tomaram o subúrbio oriental de Damasco, continuam a disparar contra os bairros centrais e residenciais da capital síria. Nesta qui…

Putin: EUA continuam campanha contra Rússia sem precedentes

O presidente russo, Vladimir Putin, participou hoje do Clube Internacional de Discussões Valdai e afirmou que os EUA ainda buscam encontrar um "rastro russo" em todas as questões.


Sputnik

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, declarou nesta quinta-feira (19) que uma campanha antirussa sem precedentes continua nos Estados Unidos.


O presidente russo, Vladimir Putin, participa da sessão final do Clube Valdai
Vladimir Putin © Sputnik/ Grigory Sysoev

"Nos Estados Unidos tem tido uma campanha anti-russa sem precedentes, desde a administração antecessora de Obama, e ainda não foi concluída", disse Putin durante a sessão plenária final do Clube Internacional de Discussões Valdai na cidade russa de Sochi, no Mar Negro.

O presidente russo destacou que não houve nenhum motivo para provocar esta campanha.

"Alguém perdeu a eleição para o Sr. Trump, enquanto toda a culpa foi colocada na Rússia e a histeria anti-russa desenfreada foi lançada", disse Putin, acrescentando que os Estados Unidos estão se esforçando para encontrar um "rastro russo" em todas as questões.


Postar um comentário