Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

Soldado norte-coreano é baleado seis vezes ao fugir para a Coreia do Sul

Soldados norte-coreanos dispararam mais de 40 tiros para atingir o colega fugitivo. Ele foi levado com vida para um hospital no Sul.


France Presse

Um soldado norte-coreano foi baleado seis vezes ao fugir para a Coreia do Sul, informaram nesta terça-feira fontes médicas e militares, acrescentando que o homem foi levado com vida a um hospital.

Imagem relacionada
Fronteira entre as Coreias | Reprodução internet

O Comando das Nações Unidas (UNC) dirigido pelos Estados Unidos, que monitora o povoado de fronteira de Panmunjom, informou que o soldado desceu de um veículo nas imediações da zona demarcada que separa as duas Coreias e correu em direção ao Sul.

"Assim que desceu do veículo correu, atravessando a fronteira, enquanto outros soldados atiravam da Coreia do Norte", informou o UNC.

Um oficial do comando militar conjunto sul-coreano informou que os guardas de fronteira norte-coreanos efetuaram mais de 40 disparos.

Um médico que atendeu o soldado - levado de helicóptero para um hospital - disse que o militar recebeu meia duzia de tiros, o mais grave no estômago.

"Tem ao menos seis ferimentos por bala, incluindo um no estômago, o mais sério", revelou o médico Lee Cook-Jong.

Postar um comentário