Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

'Sangue e caos': príncipe saudita chama Trump de 'oportunista' por decisão sobre Jerusalém

O ex-chefe da inteligência saudita, o Príncipe Turki al-Faisal, criticou o reconhecimento do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de Jerusalém como a capital de Israel, em uma das mais acentuadas reações do reino aliado de Washington no Oriente Médio.
Sputnik

Em uma carta a Trump publicada em um jornal saudita nesta segunda-feira, o príncipe Turki, um ex-embaixador em Washington que agora não ocupa nenhum cargo do governo, mas continua influente, chamou a decisão de uma estratagema política doméstica que provocaria violência.


"O derramamento de sangue e o caos definitivamente seguirão sua tentativa oportunista de ganhar eleitoralmente", escreveu o príncipe Turki em uma carta publicada no jornal saudita al-Jazeera.

Trump inverteu décadas de política dos EUA e virou do consenso da crítica internacional na semana passada, reconhecendo Jerusalém como a capital de Israel. A maioria dos países diz que o status da cidade deve ser deixado para negociações entre Israel e os pales…

Ucrânia deseja fabricar mísseis melhores do que os russos

O Conselho Nacional de Segurança e Defesa da Ucrânia (SNBO, sigla em ucraniano) ordenou a fabricação de mísseis que sejam melhores que os russos por construtoras nacionais, comunicou o chefe da instituição governamental, Aleksandr Turchinov.


Sputnik

"A produção de mísseis ucranianos, que devem ser melhores do que os análogos russos, corresponde a uma tarefa ordenada pelo SNBO para cumprimento das nossas construtoras. Esta meta está sendo cumprida gradualmente e de forma precisa", assinalou Turchinov.


Testes do míssil ucrâniano Olkha (foto de arquivo)
Teste do míssil ucraniano Olkha © Foto: The Presidential Administration of Ukraine/Mykola Lazarenko

Ele prometeu que "em breve, lançaremos a produção em série de corpos de mísseis que protegerão a Ucrânia".

Aleksandr Turchinov acrescentou que a linha de produção em questão será responsável pela fabricação de lançadores múltiplos de foguetes de calibre 300 mm e até maiores.


Postar um comentário