Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

OTAN se prepara para maiores exercícios militares desde 2002

A OTAN está se preparando para realizar seus maiores exercícios militares desde 2002. Trata-se dos Trident Juncture 2018, dos quais participarão mais de 40.000 militares de 30 países membros e parceiros da OTAN.
Sputnik

A fase principal das manobras irá ser realizada entre os dias 25 de outubro e 7 de novembro, na Noruega e áreas vizinhas, com exercícios preliminares nas águas ao largo da costa da Islândia de 15 a 17 de outubro.

Defender-se contra 'qualquer ameaça em qualquer momento'

O objetivo dos exercícios é a dissuasão e defesa contra "qualquer ameaça, de qualquer lugar e em qualquer momento", explicou nesta semana o almirante da Marinha dos EUA a jornalistas em Bruxelas, James G. Foggo III, comandante dos exercícios.

O militar revelou que os Trident Juncture mostram que a OTAN está unida e pronta para se defender valendo-se da defesa coletiva. Neste sentido, o cenário dos exercícios inclui uma violação da soberania de um aliado da OTAN, neste caso da Noruega.

Ao mesm…

Bomba mata 17 pessoas em funeral no Afeganistão

Explosivo foi escondido em uma moto, que estava estacionada perto de onde ocorria o enterro de um político local, no leste do país. Talibãs negaram responsabilidade pelo atentado.


Deutsch Welle

Pelo menos 17 pessoas morreram e 14 ficaram feridas neste domingo (13/12) pela explosão de uma bomba durante o funeral de um político local na província de Nangarhar, no leste do Afeganistão.


Soldados afegãos inspecionam local do atentado
Soldados afegãos inspecionam local do atentado

A carga explosiva foi colocada em uma motocicleta estacionada perto de onde uma multidão assistia ao funeral, por volta das 14h15 (horário local), no distrito de Behsud, segundo o porta-voz do governador provincial, Attaullah Khogyanai.

A cerimônia funerária era do ex-governador do distrito de Haska Mena, também em Nangarhar, Gul Wali.

Um porta-voz dos talibãs negou que o grupo seja responsável pelo atentado.

Na quinta-feira passada, um atentado suicida em Cabul contra um centro cultural da minoria muçulmana xiita, reivindicado pelo grupo jihadista "Estado Islâmico” (EI), deixou 42 mortos e 84 feridos.

Desde o final da missão de combate da Otan, em janeiro de 2015, o governo Cabul foi perdendo terreno para os talibãs, controlando atualmente pouco mais da metade do país.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas