Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin passa para Trump a responsabilidade de resolver conflito na Síria

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, passou a bola para que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, seja o responsável por resolver o conflito na Síria.
EFE

Helsinque - Em entrevista coletiva conjunta realizada nesta segunda-feira, em Helsinque, após a primeira cúpula entre os dois líderes, Putin também deu para Trump uma bola oficial da Copa do Mundo.

"No que se refere ao fato de a bola da Síria estar no nosso telhado, senhor presidente, o senhor acaba de dizer que organizamos com sucesso o Mundial de Futebol. Portanto, quero agora entregar esta bola. Agora, a bola está do seu lado", disse Putin.

O presidente russo fazia uma referência a uma frase do secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, que havia afirmado que a bola para resolver o conflito na Síria estava no telhado do Kremlin.

Trump agradeceu pelo presente e disse estar confiante de que EUA, México e Canadá organizarão em 2026 uma Copa do Mundo tão bem-sucedida como a da Rússia.

Na sequência, o presidente americ…

Cerca de 500 pessoas retornam às suas casas na Síria nas últimas 24 horas

O Centro Russo para a Reconciliação Síria informou nesta segunda-feira (25) que cerca de 500 pessoas voltaram às suas casas na Síria nas últimas 24 horas.


Sputnik

"Está sendo realizado um trabalho para avaliar a prontidão dos assentamentos para o retorno dos refugiados", declarou o general-major Yuri Evtushenko. 


Menino sírio anda de bicicleta na cidade velha de Homs, Síria, 26 de fevereiro de 2016
Homs, Síria © AP Photo/ Hassan Ammar

"O estado e a ordem de restauração das principais instalações de infra-estrutura de importância social estão sendo verificadas: instalações para abastecimento de água e eletricidade, hospitais, escolas, padarias. Apenas nas últimas 24 horas, 467 pessoas retornaram para suas casas em Homs, Aleppo e Deir ez-Zor", disse ele.

Evtushenko observou população recebeu mais de quatro toneladas de alimentos e 153 sírios receberam assistência médica em diversas regiões sírias nos últimos dias.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas