Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

Estado-Maior da Rússia informa que a Síria foi completamente libertada do Daesh

O Estado Maior da Rússia informou nesta quarta-feira (6) que a Síria foi completamente libertada do Daesh. De acordo com o chefe do Estado-Maior General russo, Valery Gerasimov, o restante dos terroristas remanescentes foram derrotados em Deir ez-Zor.


Sputnik

"Todas as formações do Daesh [Estado Islâmico] no território da Síria foram destruídas, e o próprio território foi libertado. O ministro da Defesa da Rússia, Sergei Shoigu, informou isso há uma hora ao comandante-chefe, o presidente Vladimir Putin", disse Gerasimov.


Soldados do exército sírio perto de Deir ez-Zor
Soldados sírios em Deir ez-Zor © Sputnik/ Mikhail Alaeddin

Segundo ele, as tropas do general sírio Suhel Hassan derrotaram os militantes remanescentes na província de Deir ez-Zor e libertaram diversos assentamentos, aliando-se com as forças do governo que avançaram a partir do sul.

"Assim, hoje não existe território na Síria sob o controle do Daesh", afirmou o chefe do Estado-Maior.

Valery Gerasimov acrescentou que a cooperação entre a Rússia e os EUA contribuiu para a normalização da situação na Síria. De acordo com ele, "o formato de cooperação existente permitiu assinar um memorando entre a Jordânia, a Rússia e os EUA em 7 de julho de 2017 e criar a primeira zona desmilitarizada no sul da Síria".


Postar um comentário