Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

No decorrer da operação Ramo de Oliveira será criada zona de segurança na Síria

O primeiro-ministro turco Binali Yildirim anunciou a criação, durante a operação militar turca na província síria de Afrin, de uma faixa de segurança de 30 quilômetros.
Sputnik

O premiê, citado pela emissora Haberturk, adiantou também que a operação seria efetuada em quatro etapas.


"A operação vai decorrer em 4 etapas com o objetivo de criar uma faixa de segurança de 30 quilômetros, que será limpa de terroristas", disse o político, citado pela emissora NTV.

Yildirim adiantou que até agora não há mortos ou feridos entre o contingente turco que realiza a operação.

Mais cedo, o Estado-Maior da Turquia anunciou o início da operação "Ramo de Oliveira" contra os grupos curdos na província síria de Afrin, que começou precisamente às 14h00 locais (12h00 no horário de Brasília). De acordo com a entidade militar, a operação conta com a participação de 72 aviões, enquanto 108 dos 113 alvos planejados já foram eliminados. Há poucos dias, o premiê turco, Binali Yildirim, havia avanç…

Exército sírio cerca fortaleza terrorista próximos a Damasco

As forças do governo sírio cercaram uma fortaleza de militantes do Jabhat Fatah al Sham (anteriormente conhecido como Frente Nusra) em um assentamento a sudoeste de Damasco, informou a mídia local.


Sputnik

De acordo com a agência estatal de notícias SANA, as unidades do exército sírio, em cooperação com as forças da milícia, expulsaram os terroristas de uma posição estratégica como resultado de intensos confrontos ao leste do povoado de Beit Jinn.


Exército sírio está combatendo Frente al-Nusra ao leste do Damasco
Exército sírio está combatendo a Frente al-Nusra a leste de Damasco © Sputnik. Sputnik Árabe

A guerra civil síria tem deixado um rastro de destruição durante seis anos, com forças do governo lutando contra ambos grupos de oposição sírios, que se esforçam para derrubar o presidente Bashar Assad e numerosos grupos extremistas e terroristas, como o Daesh (Estado Islâmico) e o Jabhat Fatah al-Sham.

As Forças Aeroespaciais Russas têm apoiado as forças do governo sírio em sua luta contra os terroristas desde 2015 a pedido do presidente sírio. Em 11 de dezembro, o presidente russo, Vladimir Putin, ordenou a retirada de uma parte significativa das tropas russas da Síria apenas alguns dias depois de ter anunciado uma vitória "completa" sobre o Estado Islâmico no país.


Postar um comentário