Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Homem-bomba mata 5 civis em frente a agência de inteligência de Cabul

Estado Islâmico reivindicou autoria do atentado, na manhã desta segunda-feira (25). Outras duas pessoas ficaram feridas após ataque.


Por G1


Pelo menos 5 pessoas morreram e outras duas ficaram feridas após um ataque suicida em Cabul, no Afeganistão, na manhã desta segunda-feira (25). O grupo terrorista Estado Islâmico assumiu a autoria do atentado.

Forças de segurança do Afeganistão fecham acesso a agência de inteligência em Cabul após atentado nesta segunda-feira (25) (Foto: REUTERS/Omar Sobhani)
Forças de segurança do Afeganistão fecham acesso a agência de inteligência em Cabul após atentado nesta segunda-feira (25) (Foto: REUTERS/Omar Sobhani)

O ataque aconteceu nas proximidade de uma das principais agências de inteligência do Afeganistão. Segundo a agência Reuters, o autor do atentado ainda não foi identificado. Ele teria chegado a pé ao local e vestia um colete com explosivos.

Todas as vítimas do homem-bomba eram pedestres que passavam em frente ao Diretório Nacional de Segurança.

A explosão ocorre uma semana depois de o Estado Islâmico reivindicar um ataque a uma instalação de treinamento da mesma agência, que terminou com os terroristas mortos.

Em um comunicado emitido através da agência de notícias do grupo, o Estado Islâmico disse que também estava atrás do ataque desta segunda-feira.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas