Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Força Aérea israelense anuncia estreia global do caça F-35 em combate

Israel foi o primeiro país ao qual os Estados Unidos autorizaram a venda do caça invisível
Juan Carlos Sanz | El País
Jerusalém - A Força Aérea de Israel revelou nesta terça-feira que foi a primeira a utilizar em combate o F-35, o ultramoderno caça furtivo indetectável para os radares inimigos. O chefe da aeronáutica israelense, general Amikam Nirkin, fez o comunicado aos comandantes das forças aéreas de vários países reunidos ao norte de Tel Aviv.

O general Nirkin mostrou a seus colegas – procedentes dos EUA, Itália, França, Índia e Brasil, entre outros países – a imagem de vários F-35 sobre Beirute, enquanto confirmava que esses aviões tinham participado de ataques em duas frentes.

“O esquadrão do F-35 está em operação e já sobrevoa todo o Oriente Médio”, afirmou o chefe da força aérea.

Nirkin reiterou que, há duas semanas, a Guarda Revolucionária iraniana disparou 32 foguetes contra as Colinas de Golã, planalto sírio ocupado por Israel desde 1967 e que, em resposta à agressão, a aviação…

Primeiro reabastecimento em voo de EMB-145 AEW&C indiano (VIDEO)

A Força Aérea da Índia (IAF) realizou com sucesso o reabastecimento aéreo de um de seus aviões brasileiros de alerta aéreo antecipado e controle avançado (AEW&C) Embraer EMB-145.


Poder Aéreo

O reabastecimento recentemente realizado por um avião-tanque Ilyushin Il-78 destina-se a melhorar o alcance operacional do EMB-145, informou o Departamento de Informações de Imprensa do governo indiano (PIB) em uma declaração de 30 de novembro.


Resultado de imagem para reabastecimento em voo de EMB-145 AEW&C indiano
Embraer ERJ-145 AEW&C sendo reabastecido em voo por um Ilyushin Il-78 | Foto: IAF

“Um mero reabastecimento em voo de 10 minutos de duração pode gerar mais quatro horas de autonomia para a aeronave”, afirmou o PIB, acrescentando que esta foi a primeira vez que uma plataforma EMB-145 AEW&C da IAF foi reabastecida em voo.

“O reabastecimento em voo do Embraer é uma boa conquista, já que as plataformas AEW & C devem permanecer no ar durante períodos prolongados durante as operações”, disse o analista militar Marechal do Ar V K Bhatia (da reserva). Esta capacidade adicional tornará o avião EMB-145 AEW&C um multiplicador de força para a força aérea, acrescentou.

A IAF recentemente recebeu dois dos três EMB-145 encomendados em 2008 por US$ 208 milhões. As plataformas foram equipadas com os sistemas Netra AEW & C da Organização de Pesquisa e Desenvolvimento da Defesa (DRDO), que a IAF afirma fornecer cobertura de 240 graus, bem como um alcance entre 250 e 375 km.

A IAF também realiza reabastecimento aéreo para sua frota de Sukhoi Su-30MKI, Dassault Mirage 2000H e aeronaves de combate SEPECAT Jaguar, mas é prejudicada pela escassez de aviões-tanque.

A partir de sua base em Agra, o serviço opera seis aviões-tanque Ilyushin Il-78, que foram adquiridos em 2004. No entanto, fontes oficiais disseram que apenas dois deles estão operacionais, enquanto os quatro restantes são sem voar, esperando peças sobressalentes da Rússia.


Postar um comentário