Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Embraer e Boeing acertam termos de parceria

Acordo prevê criação de uma nova empresa de aviação comercial, com 80% de participação da gigante americana. Boeing vai pagar 4,2 bilhões de dólares aos brasileiros. Transação precisa ser aprovada pelo governo federal.
Deutsch Welle

A Embraer e a gigante americana Boeing anunciaram nesta segunda-feira (17/12) a aprovação dos termos de uma parceria para criar uma nova empresa de aviação comercial. A execução do acerto ainda precisa do aval do governo brasileiro.


De acordo com a proposta, a Boeing deterá 80% de participação na joint venture pelo valor de 4,2 bilhões de dólares, enquanto a fabricante brasileira ficará com os 20% restantes.

"A expectativa é de que a parceria não terá impacto no lucro por ação da Boeing em 2020, passando a ter impacto positivo nos anos seguintes", diz um comunicado conjunto da Embraer e da Boeing divulgado para investidores.

As duas empresas informaram que a joint venture criada para a fabricação de aviões comerciais, que deve absorver toda a operação…

Rússia elabora 'arma invencível' para derrubar drones e mísseis

Rússia revela que planeja desenvolver um novo sistema de defesa antiaérea contra mísseis de cruzeiro e drones táticos.


Sputnik

Em entrevista ao jornal Izvestia, o chefe das Tropas de Defesa Antiaérea, tenente-general Aleksandr Leonov, informou que a Rússia está elaborando um novo sistema de defesa antiaérea.


Sistema antiaéreo Shilka
Sistema antiaéreo Shilka © Sputnik/ Mikhail Voskresensky

"Os sistemas Shilka [veículos blindados de artilharia antiaérea autopropulsada desenvolvidos pela União Soviética] serão substituídos por um novo sistema de defesa antiaérea que será equipado com armas inovadoras", afirmou.

"Ele se destina a derrubar VANT [veículos aéreos não tripulados] táticos, foguetes, mísseis de cruzeiro, elementos de ataque de armas de alta precisão, aviões de aviação tática, helicópteros de apoio de fogo, bem como alvos blindados leves terrestres e marítimos", explicou.

Ao mesmo tempo, o tenente-general russo sublinhou que a particularidade principal do novo sistema é sua baixa visibilidade para os radares.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas