Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA ameaçam Turquia com sanções em caso de compra dos sistemas S-400 da Rússia

Em dezembro 2017, Rússia e Turquia assinaram um acordo de empréstimo para o fornecimento de sistemas de mísseis de defesa aérea S-400 russos para a Turquia.
Sputnik

O assessor do secretário de Estado dos EUA, Wess Mitchell, declarou nesta quarta-feira (18), durante uma audiência na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Representantes dos EUA, que a Turquia pode receber sanções após a compra dos sistemas de defesa russos S-400.


"Ancara confirma que concordou em comprar os sistemas de mísseis russos S-400, o que pode potencialmente levar a sanções no âmbito do artigo 231 da Lei de Contenção de Adversários da América Através de Sanções [CAATSA] e influencia negativamente sobre a participação no programa dos F-35 [caças de 5ª geração]", disse o representante do Departamento de Estado na audiência sobre a política dos EUA no Oriente Médio.

Em dezembro do ano passado, os representantes russos e turcos assinaram um acordo de crédito para fornecimento de sistemas S-400. Segundo …

Ataque de terroristas com foguetes mata 5 e fere mais de 30 pessoas em Damasco

O número de vítimas do ataque efetuado por terroristas subiu para cinco mortos e mais de 30 civis feridos.


Sputnik

Mais cedo, foi informado que em resultado de um ataque com morteiros nos bairros de Bab-Tuma no centro histórico de Damasco morreram duas pessoas e mais 14 ficaram feridas.


Um bairro de Damasco ocupado pela Frente al-Nusra
Damasco, Síria © Sputnik/ Ilya Pitalev

No entanto, uma fonte da polícia da capital síria disse à Sputnik que as pessoas morreram em resultado de um ataque com foguetes.

"Os terroristas lançaram mais de 30 foguetes do bairro Jobar contra os bairros Bab-Tuma e Kassah. O número de vítimas subiu para cinco mortos e mais de 30 feridos", destacou o interlocutor da Sputnik.

Os terroristas que se encontram nos subúrbios orientais de Damasco violam frequentemente o regime de cessar-fogo, realizando ataques com morteiros e lança-foguetes contra o centro da capital da Síria e áreas residenciais.

Para além disso, destacamentos de combatentes do grupo terrorista Frente al-Nusra (proibido na Rússia) e seus aliados atacam de vez em quando as posições do exército sírio nos arredores de Damasco. O último ataque de grande escala foi realizado no subúrbio Harasta no nordeste de Damasco.


Postar um comentário