Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Pentágono nega que avião russo tenha 'expulsado' bombardeiro americano do Báltico

O Pentágono não concorda que o bombardeiro estratégico norte-americano B-52H tenha sido expulso por um caça russo Su-27 sobre o mar Báltico, comunicou à Sputnik o representante da entidade militar americana Eric Pahon.
Sputnik

"O avião da Força Aérea dos EUA B-52H realizava operações rotineiras no espaço aéreo internacional segundo o princípio da liberdade de navegação e de voo. Em 20 de março, o B-52H teve um encontro ordinário com um Su-27 russo que efetuava operações sobre o mar Báltico", esclareceu o porta-voz do Pentágono.

Pahon acrescentou que o Su-27 não expulsou o B-52H, que conseguiu completar a sua missão.

Na véspera, o Ministério da Defesa da Rússia publicou um vídeo de caças russos escoltando um bombardeiro estratégico americano Boeing B-52H sobre as águas neutras do mar Báltico. Segundo o comunicado, dois caças Su-27 levantaram voo para identificar e acompanhar a aeronave dos EUA.

De acordo com o Ministério, após o B-52H ter mudado de trajetória, distanciando-se da f…

Ataque suicida no posto de controle militar no Iêmen deixa 11 mortos

Atentado com carro-bomba, ocorrido no posto de controle militar no sudeste do Iêmen, deixou 11 mortos, informa a agência Reuters citando oficiais e residentes locais.


Sputnik

A Reuters comunica, citando oficiais e residentes locais, que atiradores abriram fogo depois que um carro suspeito carregado com explosivos entrou no posto de controle localizado no nordeste de Ataq, capital da província iemenita de Shabwa.


Militantes do Movimento do Sul do Iêmen
Militantes do Movimento do Sul do Iêmen © AFP 2018/ SALEH AL-OBEIDI

No momento, nenhuma outra informação foi divulgada.

No domingo (28), foram iniciados combates entre os militantes do Movimento do Sul do Iêmen e as forças governamentais do presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi, apoiadas pela Arábia Saudita.

As tensões aumentaram entre separatistas e forças governamentais, após o fracasso de Hadi em atender a demanda do Movimento no governo para demitir-se no domingo.

Segundo médicos locais, pelo menos 120 pessoas ficaram feridas em confrontos e 20 morreram.

Os separatistas criaram seu próprio Conselho de Transição do Sul em maio de 2017. O ex-prefeito da província Aidarus al-Zubeydi, que foi demitido pelo presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi, lidera o movimento.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas