Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa russa: avião Il-20 foi derrubado por mísseis sírios S-200

De acordo com o ministério russo, o sistema de defesa aérea sírio tentava atacar um avião de Israel. No entanto, a tripulação israelense fez uma manobra especial para se proteger, e o míssil acabou atingindo acidentalmente o avião russo Il-20.
Sputnik

O avião Il-20 desapareceu dos radares em 17 de setembro, por volta das 23h do horário de Moscou, (17h em Brasília) durante o retorno planejado à base aérea de Hmeymim, acima do território do mar Mediterrâneo, a 35 quilômetros da costa da Síria, informou o comunicado do Ministério da Defesa da Rússia. O represente oficial da Defesa russa, Igor Konashenkov sublinhou que os aviões israelenses "propositalmente criaram uma situação perigosa para navios e aviões nessa região".

Na opinião dele, para evitar o ataque sírio, a tripulação israelense acabou tornando o Ilyushin-20 alvo de ataque.

"Ao tentarem proteger-se com ajuda do avião russo, os pilotos israelenses o puseram debaixo de fogo do sistema de defesa antiaérea da Síria"…

Ataque suicida no posto de controle militar no Iêmen deixa 11 mortos

Atentado com carro-bomba, ocorrido no posto de controle militar no sudeste do Iêmen, deixou 11 mortos, informa a agência Reuters citando oficiais e residentes locais.


Sputnik

A Reuters comunica, citando oficiais e residentes locais, que atiradores abriram fogo depois que um carro suspeito carregado com explosivos entrou no posto de controle localizado no nordeste de Ataq, capital da província iemenita de Shabwa.


Militantes do Movimento do Sul do Iêmen
Militantes do Movimento do Sul do Iêmen © AFP 2018/ SALEH AL-OBEIDI

No momento, nenhuma outra informação foi divulgada.

No domingo (28), foram iniciados combates entre os militantes do Movimento do Sul do Iêmen e as forças governamentais do presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi, apoiadas pela Arábia Saudita.

As tensões aumentaram entre separatistas e forças governamentais, após o fracasso de Hadi em atender a demanda do Movimento no governo para demitir-se no domingo.

Segundo médicos locais, pelo menos 120 pessoas ficaram feridas em confrontos e 20 morreram.

Os separatistas criaram seu próprio Conselho de Transição do Sul em maio de 2017. O ex-prefeito da província Aidarus al-Zubeydi, que foi demitido pelo presidente Abd Rabbuh Mansur Hadi, lidera o movimento.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas