Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Helicóptero da marinha mexicana perde o controle e colide com o mar (VÍDEO)

Graças à ajuda dos pescadores locais, a Marinha Mexicana conseguiu resgatar todos os tripulantes, menos uma das pessoas que estavam a bordo do helicóptero. Duas pessoas necessitaram de tratamento médico e foram levadas para um hospital em San Felipe.
Sputnik

Um helicóptero da Marinha Mexicana MI-17 com 12 pessoas a bordo caiu no mar ao largo da costa da Baixa Califórnia.


O helicóptero estaria patrulhando a área em busca de pesca ilegal neste sábado, quando aparentemente perdeu o controle e mergulhou direto no Golfo da Califórnia.

De acordo com um comunicado emitido pelo Secretariado da Marinha do México, dois dos tripulantes do helicóptero tiveram que ser levados para San Felipe em busca de atendimento médico imediato, enquanto as vidas dos outros 9 não corriam perigo imediato. Um membro da tripulação foi listado como desaparecido.

As autoridades navais também elogiaram os esforços dos pescadores locais que ajudaram na busca e salvamento, acrescentando que uma investigação sobre a causa do…

Coalizão dos EUA matou até 6.000 civis no Iraque e na Síria em 2017

De 3.900 a 6.100 civis da Síria e do Iraque morreram em 2017 devido a ataques da coalizão liderada pelos Estados Unidos, disse o grupo britânico de análise e monitoramento AirWars (AMG).


Sputnik

"Devido aos ataques aéreos e de artilharia da coalizão, o número de mortes entre os não participantes em operações de combate aumentou em mais de 200% em 2017 em relação a 2016, e estava entre 3.923 e 6.102", informou o site da AMG.


Iraque, militares iraquianos observam ataque aéreo da coalizão liderada pelos EUA às posições do Daesh em Fallujah
Militares iraquianos observam ataque aéreo da coalizão liderada pelos EUA em Fallujah © AP Photo/ Rwa Faisal

O grupo também relatou que o número de feridos cresceu 55%, bem como descobriu que o aumento do número de mortes entre civis devido a ataques da coalizão coincidiu com a diminuição da atividade militar russa na Síria.

O Comando Central dos EUA revelou, no final de dezembro, que pelo menos 817 civis foram mortos sem premeditação desde o início da operação na Síria e no Iraque e que outras 603 mortes estão sendo investigadas.

A coalizão com os EUA à frente está levando a cabo desde 2014 uma operação militar na Síria e no Iraque — sem o consentimento de seus governos — contra o grupo terrorista Daesh.

O grupo britânico de análise e monitoramento AirWars é uma organização sem fins lucrativos que segue a atividade aérea de vários países no Iraque, Síria e Líbia. A entidade é financiada por doações voluntárias e por organizações de caridade.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas