Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã ameaça romper limite de reservas de urânio; entenda o que país pode fazer se sair de acordo nuclear

Sem regulação, país pode adotar equipamentos mais modernos e rápidos e ampliar volume de enriquecimento de material que pode ser usado em armas nucleares. Acordo foi firmado em 2015 entre Irã e mais seis países, mas Trump retirou EUA em maio de 2018.
Associated Press

O Irã anunciou que irá exceder o limite de reservas de urânio determinado pelo acordo nuclear de 2015, ampliando as tensões no Oriente Médio.

O prazo de 27 de junho dado por Teerã vem antes de outra data limite, 7 de julho, para que a Europa apresente melhores termos para que o país permaneça no acordo. Se essa segunda data passar sem nenhuma ação, o presidente iraniano Hassan Rouhani diz que a república islâmica irá provavelmente retomar o alto enriquecimento de urânio.

Veja a seguir em que situação está o programa nuclear do Irã atualmente:

O acordo nuclear

O Irã fechou um acordo nuclear em 2015 com Estados Unidos, França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China. O acordo, formalmente conhecido como Plano de Ação Conjunto Abran…

Croácia negocia compra de caças F-16 usados de Israel por US$ 500 milhões

A Croácia está próxima de fechar um acordo de até US$ 500 milhões para comprar caças F-16 usados de Israel, informa o Jerusalem Post nesta sexta-feira (26).


Sputnik

O objetivo é aposentar sua frota de 21 caças soviéticos MiG 21. Com 60 anos, apenas seis destas aeronaves estão funcionais.


Resultado de imagem para f-16 israel
F-16 de Israel decolando | Reprodução

A Croácia analisou as propostas de Estados Unidos, Israel, Coreia do Sul, Suécia e Grécia. Mas, no momento, o cenário mais provável é a compra dos caças de Israel.

"Este desenvolvimento é outra expressão dos laços profundos entre os dois países", disse o escritório do primeiro-ministro Israel, Bejamin Netanyahu, em comunicado.

Israel aposentou seus caças F-16 A/B em 2016, mas ainda utiliza os F-16 C/D mais modernos e modificados. Não foi divulgado quais dos dois modelos estão sendo negociados com os croatas.

Falando com a publicação Star and Stripes, o analista militar croata Denis Kuljist afirmou que o MiG 21 foi "um grande avião durante a guerra de independência da Croácia" de 1991 a 1995. Hoje, todavia, o caça soviético está defasado, alerta Kuljist.

O MiG 21 é o avião de combate supersônico mais produzido na história.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas