Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

OTAN se prepara para maiores exercícios militares desde 2002

A OTAN está se preparando para realizar seus maiores exercícios militares desde 2002. Trata-se dos Trident Juncture 2018, dos quais participarão mais de 40.000 militares de 30 países membros e parceiros da OTAN.
Sputnik

A fase principal das manobras irá ser realizada entre os dias 25 de outubro e 7 de novembro, na Noruega e áreas vizinhas, com exercícios preliminares nas águas ao largo da costa da Islândia de 15 a 17 de outubro.

Defender-se contra 'qualquer ameaça em qualquer momento'

O objetivo dos exercícios é a dissuasão e defesa contra "qualquer ameaça, de qualquer lugar e em qualquer momento", explicou nesta semana o almirante da Marinha dos EUA a jornalistas em Bruxelas, James G. Foggo III, comandante dos exercícios.

O militar revelou que os Trident Juncture mostram que a OTAN está unida e pronta para se defender valendo-se da defesa coletiva. Neste sentido, o cenário dos exercícios inclui uma violação da soberania de um aliado da OTAN, neste caso da Noruega.

Ao mesm…

Houthis teriam derrubado avião militar saudita sobre capital do Iêmen

A mídia local reportou que os houthis iemenitas conseguiram derrubar um avião militar da Arábia Saudita sobre a capital do Iêmen, Sanaa.


Sputnik

Os houthis derrubaram o caça F-15 equipado com um míssil ar-terra, informou a agência do movimento hothis, Saba, citando o comunicado do exército.


Situação no Iêmen (foto de arquivo)
© AP Photo/ Hani Mohammed

O incidente ocorreu um dia após outro avião saudita ter sido derrubado na região controlada pelos houthis, na província de Saada, no norte do Iêmen. A coalizão saudita insiste que o incidente ocorreu devido a problemas técnicos, enquanto os houthis afirmam que o avião foi derrubado por meios da defesa aérea.

O Iêmen vem enfrentando um conflito violento entre as forças governamentais lideradas pelo presidente do país, Abd Rabbuh Mansur Hadi, e o movimento houthis, também conhecido como Ansar Allah.

Desde o segundo trimestre de 2015, a coalizão liderada pela Arábia Saudita tem realizado a operação contra os houthis visando restaurar o governo de Hadi. Por sua vez, as forças houthis respondem regularmente com ataques de mísseis contra a infraestrutura e cidades da Arábia Saudita.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas