Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia acionará judicialmente os EUA, caso entregas dos F-35 sejam bloqueadas

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia recorrerá a medidas jurídicas caso as entregas dos F-35 sejam bloqueadas pelos EUA.
Sputnik

Ibrahim Kalin citou para a mídia turca que "não é nada fácil rescindir este contrato, somos parte de um contrato multilateral, cumprimos com todas as exigências e pagamos, caso os EUA não cumpram, recorreremos à lei".

O Congresso americano decidiu recentemente suspender as entregas dos caças americanos de quinta geração F-35 à Turquia devido aos planos de Ancara de adquirir o sistema de defesa antiaérea russo S-400, além de ameaçá-la com sanções em diversas ocasiões, como citado em artigo da Sputnik Mundo.

O avançado sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler, na classificação da OTAN) é capaz de abater alvos aéreos com tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro e mísseis balísticos táticos e táticos-operacionais, tem um alcance de até 400 km e pertence à geração 4+, sendo duas vezes mais eficaz que seus antecessores.

Os se…

Rússia pede moderação da Turquia em operação militar contra curdos em Afrin

O Ministério da Defesa da Rússia expressou preoucupação com o início da operação militar turca contra a cidade síria de Afrin neste sábado (20).


Sputnik

De acordo com o comunicado do Ministério da Defesa, a Rússia pede moderação pros dois lados do conflito e firma sua posição na resolução da crise síria baseada na salvaguarda da integridade territorial da Síria e no respeito à sua soberania.


Militar da Turquia (foto de arquivo)
Militar turco © AFP 2018/ OZAN KOSE / AFP

Foi informado também que Moscou tomou medidas para garantir a segurança de seus militares na região de Afrin.

"O comando do grupo de tropas russas na Síria tomou medidas para assegurar a segurança dos militares russos implantados no cidade de Afrin, onde as Forças Armadas turcas lançaram uma operação especial contra as formações curdas", informou o Ministério da Defesa.

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, confirmou no início deste sábado o início oficial da operação contra posições curdas na cidade síria de Afrin, acrescentando que a operação seria seguida por outra na cidade síria de Manbij.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas