Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Tráfego mais inesperado: caças russos aterrissam em plena rodovia (VÍDEO)

Pilotos do Distrito Militar do Sul da Rússia treinaram aterrisagem de caças Su-30M2 e de caça-bombardeiro Su-34 em rodovias convencionais. O exercício foi realizado no âmbito de manobras táticas da unidade mista da Força Aérea e da Defesa Antiaérea.


Sputnik

Os pilotos dos caças pesados praticaram aproximação e aterrissagem em uma estrada de apenas 18 metros de largura sem parar completamente, mas desacelerando os veículos aéreos devido a "condições climáticas difíceis", diz-se no comunicado do Ministério da Defesa da Rússia.


Bombardeiro russo Su-34 decola da base aérea russa de Hmeymim na Síria
Sukhoi Su-34 © Sputnik/ Dmitry Vinogradov

Cada piloto efetuou a manobra três vezes. O órgão militar russo publicou um curto vídeo dos exercícios.

Durante as mesmas manobras, as unidades da Força Aérea e da Defesa Antiaérea treinaram defesa da pista de decolagem de um grupo de sabotagem convencional, bem como evacuação de feridos por um helicóptero Ka-27 e aterrisagem em pista danificada.

Além disso, pilotos dos caças Su-30M2 e Su-34 simularam combate com um inimigo convencional, praticando acrobacia aérea.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas