Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel realiza novos bombardeios na Faixa de Gaza após queda de foguete

Aviação israelense atacou instalações subterrâneas em Gaza. Foguete disparado de Gaza caiu em cidade israelense sem causar vítimas.
France Presse

Aviões de guerra israelenses realizaram novos ataques na madrugada desta segunda-feira (19) na Faixa de Gaza, onde a tensão foi reduzida, mas sem dissipar todo o fantasma de um novo confronto.

A aviação israelense atacou instalações subterrâneas no sul do território do movimento palestino Hamas, afirmou em um comunicado.

Israel respondeu assim ao disparo de um foguete lançado no domingo à noite a partir da Faixa de Gaza - o segundo em 24 horas - e que caiu sem causar vítimas nas proximidades de Sderot, cidade israelense perto do enclave palestino.

O exército de Israel manteve sua política de resposta sistemática a qualquer intervenção hostil a partir dos territórios palestinos, onde travou três guerras contra o Hamas e grupos armados palestinos aliados desde 2008.

Israel usará "todos os meios à sua disposição" para garantir a segurança d…

Tráfego mais inesperado: caças russos aterrissam em plena rodovia (VÍDEO)

Pilotos do Distrito Militar do Sul da Rússia treinaram aterrisagem de caças Su-30M2 e de caça-bombardeiro Su-34 em rodovias convencionais. O exercício foi realizado no âmbito de manobras táticas da unidade mista da Força Aérea e da Defesa Antiaérea.


Sputnik

Os pilotos dos caças pesados praticaram aproximação e aterrissagem em uma estrada de apenas 18 metros de largura sem parar completamente, mas desacelerando os veículos aéreos devido a "condições climáticas difíceis", diz-se no comunicado do Ministério da Defesa da Rússia.


Bombardeiro russo Su-34 decola da base aérea russa de Hmeymim na Síria
Sukhoi Su-34 © Sputnik/ Dmitry Vinogradov

Cada piloto efetuou a manobra três vezes. O órgão militar russo publicou um curto vídeo dos exercícios.

Durante as mesmas manobras, as unidades da Força Aérea e da Defesa Antiaérea treinaram defesa da pista de decolagem de um grupo de sabotagem convencional, bem como evacuação de feridos por um helicóptero Ka-27 e aterrisagem em pista danificada.

Além disso, pilotos dos caças Su-30M2 e Su-34 simularam combate com um inimigo convencional, praticando acrobacia aérea.


Postar um comentário