Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China desenvolve 2 novos bombardeiros furtivos ao mesmo tempo, diz inteligência americana

A Força Aérea da China, que já tem dois caças furtivos, está trabalhando em dois novos projetos de aviões furtivos de médio e longo alcance, informou um relatório da inteligência militar dos EUA.
Sputnik

Os fabricantes de aviões chineses estão envolvidos em dois projetos de bombardeiros furtivos ao mesmo tempo, informou a edição Aviation Week, citando um relatório da Agência de Inteligência do Departamento de Defesa dos EUA.


A existência de um desses projetos, H-20 ou H-X, foi confirmada pela Força Aérea Chinesa em 2017. Entretanto, não foi divulgada nenhuma informação confiável sobre o segundo projeto.

De acordo com o Pentágono, o segundo projeto, designado JH-XX, envolve o desenvolvimento de um caça-bombardeiro de médio alcance. O avião será equipado com radar AESA, mísseis ar-ar e mísseis ar-terra. Os especialistas em inteligência militar estadunidense acreditam que essa aeronave entrará em serviço da Força Aérea chinesa não antes de 2025.

No desenvolvimento desses novos aviões de comba…

Calma durante pausa humanitária em Ghouta é quebrada por disparo de foguetes

O disparo de vários foguetes, sem que se tenham sido registradas vítimas, quebrou nesta terça-feira a calma nas primeiras horas da pausa humanitária que entrou em vigor na região de Ghouta Oriental, o principal reduto opositor dos arredores de Damasco, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.


EFE

Beirute - Três projéteis caíram no povoado de Harasta, enquanto um caiu em Duma, a maior cidade de Ghouta Oriental, e outro numa região que separa ambas as localidades.


Imagem de vítimas dos bombardeios e últimos ataques com gás, em Ghouta. EFE/EPA/Mohammed Badra
Imagem de vítimas dos bombardeios e últimos ataques com gás, em Ghouta. EFE/EPA/Mohammed Badra

Além disso, vários foguetes caíram na área de Mesraba, acrescentou o Observatório.

O presidente russo, Vladimir Putin, ordenou ontem uma trégua humanitária a partir de hoje na região.

A trégua, que o ministro de Defesa russo, Sergei Shoigu, vinculou diretamente com a resolução 2401 aprovada no fim de semana pelo Conselho de Segurança da ONU, entrará em vigor diariamente das 9h às 14h (horário local).

As autoridades sírias anunciaram hoje que abriram um corredor humanitário para facilitar a saída dos civis que desejem deixar Ghouta Oriental.

No entanto, segundo a televisão oficial síria, "grupos terroristas jogaram foguetes para evitar a saída dos civis da região".

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas