Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Argentina concorda em construir bases norte-americanas em seu território

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, aprovou a construção no país de várias bases militares dos EUA, informou no sábado (21) o portal mexicano Aristegui Noticias com referência a fontes informadas.
Sputnik

De acordo com o portal, trata-se de ao mínimo três bases militares a serem construídas nas províncias de Neuquén (onde fica a jazida de gás de xisto Vaca Muerta), Misiones e Tierra del Fuego, de onde se pode controlar a Antártida.

A sua criação deve ser financiada pelo Comando Sul dos EUA. Um dos principais adeptos da criação de bases seria a ministra da Segurança da Argentina, Patricia Bullrich.

Além disso, nota o portal mexicano, a ministra elogiou a chegada ao país de instrutores americanos que efetuam a preparação dos policiais argentinos antes da cúpula do G20 em novembro. Isso viola as atuais leis argentinas, porque é necessário obter a autorização do Congresso para tais ações, algo que não foi feito.

Corpo de piloto morto por terroristas na Síria chega à Rússia

O corpo do piloto Roman Filipov, morto em 3 de fevereiro na província síria de Idlib, foi levado para a Rússia.


Sputnik

A inteligência militar russa conseguiu recuperar o corpo graças à colaboração de colegas turcos, confirmou o Ministério da Defesa russo à imprensa. O funeral ocorrerá na cidade russa de Voronezh em 8 de fevereiro.


Piloto entra no caça Su-25 na base aérea Hmeymim (foto de arquivo)
Piloto em um Sukhoi Su-25 © Sputnik/ Vadim Grishankin/Assessoria de imprensa do Ministério da Defesa da Rússia

Filipov foi atacado por um sistema de defesa antiaéreo enquanto pilotava um Su-25 sobre o povoado Tel Debes. A região ainda é controlada por terroristas. Ao ser atingido, o piloto conseguiu ejetar, mas foi assassinado assim que tocou o chão. Ele recebeu o título de Herói da Rússia, uma das maiores honrarias do país.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas