Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Defesa aérea síria intercepta avião de reconhecimento israelense

Os sistemas de defesa antiaérea sírios forçaram um avião de reconhecimento israelense a abandonar o espaço aéreo do país, informou a agência síria SANA.


Sputnik

"Os sistemas de defesa antiaérea sírios enfrentaram nesta quarta-feira (14) um avião de reconhecimento israelense sobre a cidade de Quneitra, obrigando-o a deixar o espaço aéreo da Síria", comunicou a agência.


Um drone do exército israelense
Drone do exército de Israel © AP Photo/ Ariel Schalit, File

A cidade de Quneitra fica a apenas 40 quilômetros de Damasco. A parte israelense não comenta sobre o incidente em questão.

Previamente, o governo sírio advertiu que Israel enfrentará "novas surpresas" caso tente atacar novamente o território da Síria após os mísseis sírios terem derrubado um caça israelense.

"Tenham total confiança que o agressor se surpreenderá muito, já que pensava que esta guerra — de desgaste a qual a Síria esteve exposta há anos — tornou-a incapaz de enfrentar qualquer ataque", declarou o vice-chanceler sírio Ayman Sussan, citado pela Reuters.

"Eles verão mais surpresas sempre que tentarem atacar a Síria", acrescentou.

Anteriormente, o exército de Israel anunciou ter interceptado um drone iraniano sobre seu território e como resposta atacou instalações militares iranianas na Síria. O país árabe, por sua vez, respondeu com fogo de baterias antiaéreas, acabando por derrubar um avião israelense. A tripulação conseguiu escapar com vida, saltando da aeronave.

A Síria e o movimento libanês xiita, Hezbollah, celebraram a derrubada do F-16 como um golpe à superioridade militar israelense, indica a Reuters. No entanto, segundo a Rádio do Exército de Israel, o erro do piloto foi a causa principal para que o F-16 não conseguisse evitar o míssil que o atingiu.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas