Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Proclamação da República: conheça a tradição do cavalo Baio, herança do Exército desde 1889

Animal de pelagem rara, idêntico ao usado pelo Marechal Deodoro da Fonseca durante derrubada da monarquia, tem 'escritório' próprio no Regimento de Cavalaria, em Brasília.
Por Marília Marques | G1 DF

Passados 129 anos da Proclamação da República, o Exército Brasileiro mantém a tradição de destaque de um personagem pitoresco do movimento que derrubou a monarquia no país: o cavalo baio de número 06. O animal é do mesmo tom de pelagem e medidas daquele usado pelo Marechal Deodoro da Fonseca em 15 de novembro de 1889.

Desde então, os critérios seguem o mesmos para o animal escolhido para ser montado pelo comandante do 1º Regimento de Cavalaria de Guarda – os Dragões da Independência, responsáveis pela segurança presidencial.

Em Brasília, é o tenente-coronel Flávio Benzi Braga quem monta e preza pelo bem-estar do cavalo apelidado de Baio, em referência à cor.

"Diariamente verifico se está tudo bem com o Baio, se passou bem a noite. Minha primeira atividade é dar 'bom dia' p…

Exército sírio multiplica ataques antiterroristas em Ghouta Oriental

Aviões de combate do Exército sírio realizaram ataques noturnos contra enclaves de grupos terroristas em setores da região de Ghouta Oriental, ao leste de Damasco, informaram hoje fontes militares.



Por Oscar Bravo Fong | Prensa Latina

Damasco - Como parte da ofensiva antiterrorista, as tropas governamentais, além do emprego da aviação de guerra, utilizaram mísseis pesados contra posições inimigas nas localidades de Duma, Shifonieh, Nashabiyah, Sakba, Masraba e Jessrín, precisou o informe.


Bombardeio em Ghouta Oriental, Síria | Reprodução

Fontes dos próprios grupos armados admitiram que como consequência desse forte ataque, morreram mais de 30 integrantes de suas fileiras, e numerosos elementos ficaram feridos.

Porta-vozes de comandos das tropas governamentais assinalaram, por sua vez, que as ações em Ghouta Oriental provocaram a destruição de dezenas de posições dos extremistas, entre elas um acampamento de treinamento e um armazém para projéteis de morteiro.

Além disso, fontes do interior de Ghouta informaram à imprensa que os denominados Capacetes Brancos, que servem aos interesses de potências ocidentais, distribuíram máscaras antigases com o fim de fabricar um cenário propício para acusar as forças governamentais de empregar armas químicas.

Tais ações respondem às intensas campanhas midiáticas lançadas pelo Ocidente, que por estes dias atribuem ao governo de Damasco a utilização de substâncias químicas proibidas, o que tem sido desmentido uma vez mais pelo poder Executivo e pela Rússia.

Segundo declarou um oficial do Exército à Prensa Latina, por outro lado, milhares de soldados prepararam-se e estão prontos para lançar uma nova ofensiva contra os grupos terroristas arraigados em Ghouta Oriental.

Explicou que a aviação e centenas de canhões de artilharia, lança-mísseis, tanques e veículos blindados realizarão a cobertura das forças militares e das tropas especiais Tigre.

A fonte informou que na ofensiva participarão também formações da Guarda Republicana, a quarta divisão e a nona divisão de infanteria, a sétima divisão mecanizada e a décima quarta divisão de tropas especiais.

Os comitês de defesa do Povo e formações da Força Tribal, têm chegado da província de Deir Ezzor para apoiar a referida ofensiva, acrescentou. Da região de Ghouta Oriental, onde se assentam grupos terroristas como a Frente para a Libertação do Levante (outrora Al-Nusra) e o Exército do Islã, esses grupos disparam com frequência projéteis de morteiro contra populações civis de Damasco.

Os sistemáticos ataques, que costumam ocorrer tanto de dia como durante a noite, provocaram dezenas de mortos e centenas de feridos nesta capital síria e em seus arredores.

Ao mesmo tempo, unidades do Exército combatem os grupos radicais na província de Idlib, ao norte, onde recuperaram centenas de povoados e a estratégica base militar aérea de Abu al-Duhur, que esteve em poder das formações terroristas durante vários anos.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas