Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha da Argentina fala sobre localização do submarino ARA San Juan

Embarcação desaparecida há 1 ano foi localizada neste sábado a 907 metros de profundidade. Ainda não há previsão de início dos trabalhos de resgate. 'Não temos meios para resgatar o submarino', diz ministro.
Por G1

A Marinha da Argentina informou neste sábado (17) que o submarino ARA San Juan, que sumiu há 1 ano com 44 tripulantes, foi encontrado a 907 metros de profundidade em uma área de "visibilidade bastante reduzida", e que a embarcação sofreu uma "implosão" no fundo das águas do Oceano Atlântico.

Segundo Enrique Balbi, porta-voz da Marinha, a proa, a popa e a vela se desprenderam do submarino e estão localizadas em uma área de 80 a 100 metros. “Isso sugere que a implosão tenha ocorrido muito perto do fundo”, disse.

Segundo a Marinha, as imagens mostram que o casco do submarino permaneceu bastante intacto, apenas com algumas deformações, e que todas as outras partes se desprenderam. A implosão teria ocorrido em razão da pressão externa do mar ter superado …

Indonésia fecha contrato de US$ 1,1 bilhão para compra de 11 caças russos

Metade do pagamento pelos Su-35 será feito com mercadorias provenientes do país.


Vassili Krilov | Russia Beyond


A Rosoboronexport, empresa estatal russa responsável pelas exportações de equipamento militar, e o Ministério da Defesa da Indonésia assinaram contrato para o fornecimento de 11 caças de múltiplas funções Su-35 ao último, segundo uma fonte da agência de notícias Interfax no complexo militar-industrial russo.


Imagem relacionada
Sukhoi Su-35 | Reprodução

As negociações sobre o contrato começaram em 2012 e, em agosto de 2017, foi assinado um acordo entre a corporação estatal russa RosTech e a empresa de comércio indonésia PT PPI sobre o fornecimento de produtos indonésios, como borracha natural e óleo de palma, que serão parte do pagamento pelos caças Su-35.

O valor do contrato será de US$ 1,1 bilhão, de acordo com fonte do jornal Vedomosti na Rosoboronexport que não quis ser identificada. Segundo ela, quase metade do valor do contrato será pago em mercadorias indonésias.

A Força Aérea da Indonésia já possui 15 caças russos Su-27 e Su-30, entregues ainda na década de 2000.

O caça de múltiplas funções Su-35 é uma versão profundamente modernizada do Su-30, e pode levar armamento russo e estrangeiro.

A aeronave tem uma funções de manobra superiores graças a seus potentes motores com empuxo vetorial.

Uma de suas principais características é o radar Zhuk-A com antena em fase ativa. Ele pode funcionar em condições ar-ar e ar-terra ao mesmo tempo, além de reconhecer e classificar objetos isolados e em grupo a 150 quilômetros de distância no ar e 250 quilômetros no mar.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas