Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa russa: avião Il-20 foi derrubado por mísseis sírios S-200

De acordo com o ministério russo, o sistema de defesa aérea sírio tentava atacar um avião de Israel. No entanto, a tripulação israelense fez uma manobra especial para se proteger, e o míssil acabou atingindo acidentalmente o avião russo Il-20.
Sputnik

O avião Il-20 desapareceu dos radares em 17 de setembro, por volta das 23h do horário de Moscou, (17h em Brasília) durante o retorno planejado à base aérea de Hmeymim, acima do território do mar Mediterrâneo, a 35 quilômetros da costa da Síria, informou o comunicado do Ministério da Defesa da Rússia. O represente oficial da Defesa russa, Igor Konashenkov sublinhou que os aviões israelenses "propositalmente criaram uma situação perigosa para navios e aviões nessa região".

Na opinião dele, para evitar o ataque sírio, a tripulação israelense acabou tornando o Ilyushin-20 alvo de ataque.

"Ao tentarem proteger-se com ajuda do avião russo, os pilotos israelenses o puseram debaixo de fogo do sistema de defesa antiaérea da Síria"…

Ministério da Defesa russo: Frente al-Nusra é o principal desestabilizador na Síria

Segundo o Ministério russo, o grupo terrorista Frente al-Nusra (proibido na Rússia) é a fonte principal da situação instável da Síria, declarou o representante oficial da entidade, Igor Konashenkov.


Sputnik

Ele sublinhou que os terroristas deste grupo, recebendo apoio em armas e dinheiro, tentam minar o processo de paz nas zonas de desescalada, expulsando os grupos da oposição moderada.


Militantes do grupo jihadista conhecido como Frente al-Nusra
Terroristas da Frente al-Nusra © AFP 2018/ Guillaume Briquet

Para o representante do Ministério é muito preocupante o fato de os terroristas da Frente al-Nusra possuírem sistemas de mísseis antiaéreos portáteis que podem ser usados "não apenas na Síria e não apenas contra aviões militares".

"O Ministério da Defesa está trabalhando para estabelecer o tipo destes sistemas e canais pelos quais os terroristas os obtêm", disse Konashenkov.

Para além disso, ele acrescentou que o grupo Al-Qaeda (organização terrorista, proibida na Rússia) virou um instrumento nas mãos de países com alta tecnologia que estão descontentes com o papel-chave da Rússia na libertação da Síria.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas