Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Putin ameaça retaliar se EUA instalarem mísseis na Europa

Em seu discurso sobre o estado da nação, presidente russo faz ataques a Washington e promete apontar seu arsenal para os Estados Unidos e para o continente europeu se mísseis americanos atravessarem o Atlântico.
Deutsch Welle

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alertou nesta quarta-feira (20/02) que seu país responderá a um possível envio de mísseis americanos à Europa, fazendo com que não apenas os países que receberem esses armamentos se tornem alvos, mas também os Estados Unidos.


Em seu discurso anual sobre o estado da nação em Moscou, Putin elevou o tom ao comentar uma nova e potencial corrida armamentista. Ele afirmou que a reação russa a um possível envio seria rigorosa e que as autoridades em Washington – algumas das quais estariam obcecadas com o "excepcionalismo" americano – deveriam calcular os riscos antes de tomar qualquer medida.

"É o direito deles de pensar da forma que quiserem. Mas eles sabem fazer cálculos? Tenho certeza que sabem. Deixemos que eles cal…

Rússia quer reunir autoridades do Afeganistão e Talibãs em Moscou

A Rússia espera que as autoridades do Afeganistão e os Talibãs aproveitem a proposta de realizar negociações diretas em Moscou, disse à Sputnik nesta quarta-feira Zamir Kaboulov, diretor do Departamento Asiático do Ministério das Relações Exteriores russo.


Sputnik

"Esperamos que as partes aproveitem esta proposta quando as condições necessárias forem criadas para iniciar o diálogo", afirmou.


Embaixador da Rússia no Afeganistão, Alexander Mantytskiy, demonstra um AK-47 ao Mohammad Hanif Atmar, Conselheiro de Segurança Nacional do Afeganistão
Embaixador da Rússia no Afeganistão demonstra AK-47 a conselheiro de segurança do Afeganistão © AP Photo/ Rahmat Gul

Kaboulov informou que a Rússia convidou o ministro da Defesa do Afeganistão, Tariq Shah Bahrami, para a Conferência de Segurança que Moscou sediará nos dias 4 e 5 de abril de 2018.

O diplomata também indicou que Moscou e Cabul estão estudando a possibilidade de uma visita a Moscou do assessor do presidente do Afeganistão para assuntos de segurança, bem como do ministro do Interior e do ministro dos Transportes.

O diplomata russo expressou a esperança de que os EUA participem das consultas sobre o Afeganistão em Moscou, previstas para acontecerem no primeiro semestre de 2018.


Comentários

Postagens mais visitadas