Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha da Argentina fala sobre localização do submarino ARA San Juan

Embarcação desaparecida há 1 ano foi localizada neste sábado a 907 metros de profundidade. Ainda não há previsão de início dos trabalhos de resgate. 'Não temos meios para resgatar o submarino', diz ministro.
Por G1

A Marinha da Argentina informou neste sábado (17) que o submarino ARA San Juan, que sumiu há 1 ano com 44 tripulantes, foi encontrado a 907 metros de profundidade em uma área de "visibilidade bastante reduzida", e que a embarcação sofreu uma "implosão" no fundo das águas do Oceano Atlântico.

Segundo Enrique Balbi, porta-voz da Marinha, a proa, a popa e a vela se desprenderam do submarino e estão localizadas em uma área de 80 a 100 metros. “Isso sugere que a implosão tenha ocorrido muito perto do fundo”, disse.

Segundo a Marinha, as imagens mostram que o casco do submarino permaneceu bastante intacto, apenas com algumas deformações, e que todas as outras partes se desprenderam. A implosão teria ocorrido em razão da pressão externa do mar ter superado …

Soldados franceses morrem em explosão no Mali

Dois soldados franceses foram mortos e outro ficou ferido em uma explosão nesta quarta-feira no Mali, segundo informou o gabinete do presidente da França, Emmanuel Macron.


Sputnik

Atualmente, de acordo com a AFP, há cerca de 4 mil militares franceses no Mali e em países vizinhos, para conter ações de grupos jihadistas que vêm realizando uma série de ataques e sequestros, inclusive contra estrangeiros. 


Soldados do Mali em ponto de controle de Timbuktu, em 5 de fevereiro de 2016
Soldados do Mali © REUTERS/ Moulaye Chirfi

Os dois soldados mortos hoje foram vítimas de uma mina terrestre, em local não especificado. Eles pertenciam a um regimento de cavalaria baseado em Valence, cidade da região francesa de Auvergne-Rhône-Alpes. O presidente Macron enviou condolências às famílias dos militares, destacando que a operação contra o terrorismo na região também provocou "golpes severos" aos inimigos.

As mortes desta quarta-feira elevam para 12 o número de baixas francesas desde o início da operação Barkhane, lançada há mais de três anos contra as organizações terroristas que tomaram conta do norte do Mali em 2012.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas