Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Análise: Brasil poderia se tornar 'vigilante' dos EUA na América Latina

O presidente norte-americano, Donald Trump, referiu a possibilidade de entrada do Brasil na OTAN. O analista russo Pavel Feldman avaliou a possibilidade de entrada do Brasil na aliança, bem como que papel poderia desempenhar o Brasil no conflito na Venezuela.
Sputnik

Durante a visita oficial do presidente do Brasil Jair Bolsonaro aos EUA, foram discutidos os assuntos internacionais mais importantes, entre eles a cooperação bilateral entre os EUA e o Brasil e a situação na Venezuela.


Uma das declarações mais sensacionais foi a possibilidade de entrada do Brasil na OTAN, referida pelo presidente dos EUA Donald Trump.

O vice-diretor do Instituto de Estudos Estratégicos e Prognósticos da Universidade Russa da Amizade dos Povos, Pavel Feldman, revelou em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik que os EUA são apenas um dos países da OTAN, há outros países cuja opinião deveria ser levada em conta nesse assunto.

Segundo ele, se o Brasil aderir à OTAN ele vai desempenhar o papel de vigilante d…

Stoltenberg: 'Todos países da OTAN agora estão dentro do alcance dos mísseis de Pyongyang'

O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, pediu por mais pressão sobre a Coreia do Norte.


Sputnik

O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, alertou que todos os países da OTAN agora estão dentro do alcance dos mísseis de Pyongyang e exigiu mais pressão sobre a Coreia do Norte.


Secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, durante coletiva de imprensa na sede da organização em Bruxelas, 14 de fevereiro de 2017
Jens Stoltenberg © AP Photo/ Virginia Mayo

Stoltenberg também reiterou os perigos do programa nuclear iraniano e lembrou a importância da dissuasão nuclear.

O secretário-geral da aliança está em Munique, na Alemanha, participando da 54ª Conferência de Segurança, realizada entre os dias 16 a 18 de fevereiro.

Durante o desfile militar, realizado no dia 8 de fevereiro em Pyongyang, por ocasião do 70º aniversário da criação do Exército Popular da Coreia, um novo tipo de mísseis balísticos intercontinentais, Hwasong-15, foi demonstrado pela primeira vez em público e à comunidade internacional.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas