Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Turquia acionará judicialmente os EUA, caso entregas dos F-35 sejam bloqueadas

Segundo o porta-voz do presidente turco, Ibrahim Kalin, a Turquia recorrerá a medidas jurídicas caso as entregas dos F-35 sejam bloqueadas pelos EUA.
Sputnik

Ibrahim Kalin citou para a mídia turca que "não é nada fácil rescindir este contrato, somos parte de um contrato multilateral, cumprimos com todas as exigências e pagamos, caso os EUA não cumpram, recorreremos à lei".

O Congresso americano decidiu recentemente suspender as entregas dos caças americanos de quinta geração F-35 à Turquia devido aos planos de Ancara de adquirir o sistema de defesa antiaérea russo S-400, além de ameaçá-la com sanções em diversas ocasiões, como citado em artigo da Sputnik Mundo.

O avançado sistema antiaéreo S-400 Triumph (SA-21 Growler, na classificação da OTAN) é capaz de abater alvos aéreos com tecnologia furtiva, mísseis de cruzeiro e mísseis balísticos táticos e táticos-operacionais, tem um alcance de até 400 km e pertence à geração 4+, sendo duas vezes mais eficaz que seus antecessores.

Os se…

Su-25 russo é derrubado na Síria e piloto é morto

O ministério russo da Defesa revelou informações preliminares sobre o incidente, dizendo que a aeronave pode ter sido abatida por um sistema portátil de defesa aérea. O piloto sobreviveu à queda, porém foi morto em solo durante conflito com os terroristas.


Sputnik

De acordo com o ministério, Rússia e Turquia, garantidores da paz na área de redução de conflitos em Idlib, na Síria, estão tomando todas as medidas possíveis para trazer o corpo do piloto de volta.


Su-25 no aeroporto militar de Kubinka.
Sukhoi Su-25 russo © Sputnik/ Vladimir Astapkovich

O piloto solicitou resgate em uma área controlada pelos rebeldes da Frente al-Nusra. Ao entrar em confronto com terroristas, ele morreu", informou o Ministério da Defesa. O conflito ocorreu no território controlado pelo grupo terrorista Frente Fatah al-Sham em meio à operação militar em curso conduzida pelas forças sírias contra os jihadistas.

Entre vários grupos terroristas que atuam na área, há também o Hay'at Tahrir al-Sham (HTS), um grupo terrorista guarda-chuva liderado este ano pela ex-Frente al-Nusra. Enquanto alguns países, como os Estados Unidos, consideram a HTS como nome do grupo terrorista, as autoridades russas continuam a se referir à organização pelo seu antigo apelido de al-Nusra. Este foi o braço sírio da Al-Qaeda até 2016, quando se separou ostensivamente da rede terrorista mais conhecida do mundo.

Histórico

Ao longo da operação militar na Síria que já dura dois anos, a Rússia perdeu 4 aeronaves e 4 helicópteros. De acordo com o vice-ministro da Defesa da Rússia, Yuri Borisov, a força aérea do país usou aviões de ataque terrestre Su-25SM modernizados na Síria.

A aeronave de ataque Su-25 foi projetada para destruir objetos terrestres móveis e fixos de tamanho pequeno, bem como alvos aéreos de baixa velocidade.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas