Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump reconhece soberania de Israel sobre Colinas de Golã

Ao lado de Netanyahu, presidente dos EUA contradiz décadas de política externa e reconhece a soberania de Israel sobre o território, ocupado em 1967 e anexado em 1981. Síria vê ataque a sua integridade territorial.
Deutsch Welle

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu formalmente nesta segunda-feira (25/03) a soberania de Israel sobre as Colinas de Golã, um território disputado com a Síria e que Israel anexou em 1981.

O governo do presidente sírio, Basahr al-Assad, respondeu de imediato e afirmou que a decisão é um ataque à soberania e à integridade territorial da Síria.

O decreto de reconhecimento foi assinado no início de um encontro com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, em Washington. Trump justificou a medida com as "ações agressivas" do Irã e de grupos "terroristas" contra Israel.

Netanyahu disse que se trata de um dia histórico e que Trump é o melhor amigo que Israel já teve.

Em Israel, o reconhecimento pode significar um forte i…

Tesouro dos EUA visa empresas e navios em sanções contra Coreia do Norte

As sanções têm como alvo uma pessoa, 27 companhias e 28 navios.


Makini Brice | Reuters

WASHINGTON - 
O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos anunciou, nesta sexta-feira, o que disse ser o maior pacote de sanções relacionadas à Coreia do Norte, em uma tentativa de prejudicar empresas comerciais e marítimas e navios norte-coreanos e de isolar ainda mais Pyongyang.

Resultado de imagem para eua x coreia do norte
Reprodução

Os navios são localizados, registrados ou têm bandeira da Coreia do Norte, China, Cingapura, Taiwan, Hong Kong, Ilhas Marshall, Tanzânia, Panamá e Comores.

“O Tesouro está visando agressivamente todos os caminhos ilícitos usados pela Coreia do Norte para escapar de sanções, inclusive adotando ações decisivas para bloquear navios, companhias marítimas e entidades por todo o mundo que trabalham em nome da Coreia do Norte”, disse o secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Steven Mnuchin, em comunicado.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas