Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Poloneses pedem a Trump ajuda para conseguir indenização da Rússia e Alemanha pela 2ª Guerra

Um auto-proclamado "partido bíblico antiglobalista" pró-EUA e pró-Israel da Polônia, que se autodenomina "Movimento 11 de novembro", criou uma petição no site We the People da Casa Branca pedindo ao presidente Donald Trump ajude a obter "compensação adequada" da Rússia e da Alemanha por danos causados ​​na Segunda Guerra Mundial.
Sputnik

"Os poloneses livres estão apelando para os EUA, o vencedor na Segunda Guerra Mundial e o fiador dos acordos do pós-guerra, para obter ajuda na recuperação das reparações de guerra da Alemanha e da Rússia", diz a petição.


Além de alcançar a "justiça histórica", uma campanha de reparações bem-sucedida desempenharia "um papel fundamental na Polônia, tornando-se um forte aliado dos Estados Unidos diante da ameaça que surge na Europa e na Ásia — um novo Império do Mal".

Falando ao The New American, uma pequena revista de propriedade da John Birch Society, o co-autor e vice-presidente do Movimento 11…

Ucrânia exige que Rússia repare e devolva os navios ucranianos que ficaram na Crimeia

Coronel-general ucraniano declarou que o país está pronto para receber de volta seus navios que se encontram na Crimeia mas apenas depois de a Rússia os reparar.


Sputnik

Mikhail Koval, coronel-general que em 2014 exercia o cargo do ministro de Defesa da Ucrânia, falava durante as audições relativas ao caso do ex-presidente Viktor Yanukovich.


Navios ucranianos em Sevastopol, Rússia
Navios ucranianos em Sebastopol, Rússia © Sputnik/ Sergei Malgavko

O vídeo foi publicado na conta do YouTube do canal ucraniano 112. Segundo declarou Koval, a Rússia tem que responder no Tribunal de Haia por ter ficado com o equipamento militar ucraniano.

"Devolverão por ordem do tribunal, reparados, no estado em que os tomaram. E não de outro jeito", sublinhou.

Remzi Ilyasov, vice-presidente do parlamento da Crimeia, respondeu por sua vez que foram as próprias autoridades ucranianas que tornaram o equipamento militar que está na Crimeia em uma sucata.

"De que equipamento se pode tratar, quando as próprias autoridades ucranianas tudo tornaram sucata? Pelo que sei, ninguém usou este equipamento. Duvido que eles precisem deste equipamento militar", disse o político à Sputnik.

Mais cedo, o presidente russo Vladimir Putin afirmou que a Rússia está disposta a entregar a Kiev os navios e aviões ucranianos que ficaram na Crimeia, embora estes se encontrem em estado lastimável.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas