Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Oficial americano joga culpa para Israel pelo ataque às forças sírias

No domingo (17), a mídia síria relatou ataque ao povoado sírio Al-Harra, província de Deir ez-Zor, na fronteira com o Iraque, supostamente realizado pela coalizão internacional, liderada pelos EUA, tendo como alvo forças governamentais. Porém, um oficial americano culpou Israel pelo ataque.
Sputnik

Anteriormente, uma fonte militar relatou à mídia síria que drones "provavelmente americanos" bombardearam Al-Harra, entre Abu Kamal e Al-Tanf.

Segundo dados das Forças de Mobilização Popular iraquianas, o ataque matou 22 soldados iraquianos. O Observatório Sírio de Direitos Humanos, por sua vez, disse que o número total de vítimas corresponde a 52 pessoas, citado pelo Haaretz.

"Entre [os mortos] estão ao menos 30 militares iraquianos e 16 sírios, incluindo soldados e membros da milícia leal ao governo", afirmou à mídia o chefe do Observatório Sírio, Rami Abdel Rahman.

Comentando a notícia, o porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, Adrian Rankine-Galloway, descartou que W…

Capitão do Exército tem surto e ameaça se matar dentro de agência dos Correios em Maricá, no RJ

Corpo de Bombeiros, Exército e Bope foram acionados.


Por G1, Região dos Lagos

Um capitão do Exército teve um surto nesta quinta-feira (8) dentro de uma agência dos Correios em Maricá (RJ). Segundo a Polícia Militar, ele se aborreceu por conta do atendimento e ameaçou se matar. Ele estava armado.

Caso aconteceu em uma agência dos Correios em Maricá (Foto: Viviane Lopes/Inter TV)
Caso aconteceu em uma agência dos Correios em Maricá (Foto: Viviane Lopes/Inter TV)

Ainda de acordo com a PM, o homem não ameaçou ninguém que estava na agência.

Além da PM, equipes do Corpo de Bombeiros, do Exército e negociadores do Batalhão de Operações Especiais (Bope) foram acionados.

A PM informou também que o homem já entregou a arma e a situação foi controlada.

Segundo os Correios, o homem foi à unidade para procurar uma encomenda e foi informado que o objeto havia sido devolvido ao remetente porque o endereço indicado para a entrega estava incorreto, o que impossibilitou a localização do destinatário pelo carteiro.

Ainda de acordo com o órgão, o homem foi conduzido pela Polícia do Exército após o surto.

Em nota, o Comando Militar do Leste informou que os detalhes do ocorrido estão sendo apurados e o militar foi encaminhado para o Hospital Central do Exército (HCE).

Postar um comentário

Postagens mais visitadas