Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Exército sírio bombardeia terroristas restantes no sul do país (VIDEO)

O exército sírio retomou os ataques de artilharia maciços contra os terroristas restantes na região de Tulul al Safa no deserto de As-Suwayda, no sul do país, depois de eles terem violado a trégua, segundo uma fonte do Exército.
Sputnik

De acordo com uma fonte que falou com a Sputnik Árabe, na terça-feira (16), o Exército sírio e os terroristas que ocupam as colinas de Tulul al Safa firmaram um acordo de cessar-fogo, segundo o qual os combatentes da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países) se comprometeram a entregar as armas depois de serem cercados e sem saída.


Contudo, na manhã da quarta-feira (17) os terroristas atacaram as unidades do Exército sírio. Por sua vez, os soldados repeliram o ataque com êxito e contra-atacaram. Como resultado, dezenas de militantes foram mortos ou feridos. O Exército resolveu retomar os ataques maciços com peças de artilharia apoiadas do ar, tendo como objetivo eliminar as forças terroristas restantes até a épo…

Exército sírio declara como libertados todas as cidades e povoados de Ghouta Oriental

Exército sírio declara como libertados todas as cidades e povoados de Ghouta Oriental


Sputnik

O comando das Forças Armadas da Síria informou neste sábado que já possui o controle de todos os territórios de Ghouta Oriental, incluindo dos assentamentos.


Soldados sírios em Ghouta (foto de arquivo)
Militares sírios em Ghouta Oriental © Sputnik/ Andrey Stenin

"Após uma série de batalhas e operações militares cuidadosamente planejadas e conduzidas por nossas forças armadas e aliadas, o controle sobre todas as cidades e assentamentos de Ghouta Oriental, subúrbio de Damasco, foi retomado", informaram os militares através de um comunicado oficial, explicando que a capital do país está segura, assim como seus principais acessos.

Mais cedo, uma fonte militar disse à Sputnik que tropas governamentais foram enviadas às cidades liberadas de Irbin, Jobar, Zamalka e Ain Terma para verificar a existência de minas terrestres nessas localidades. Em Ain Terma, segundo a fonte, teria sido encontrado um grande deposito de armas e munições pertencente aos militantes derrotados.

Ainda de acordo com esse representante das Forças Armadas, o último comboio, formado por 65 ônibus, está sendo preparado para evacuar 2.935 pessoas dessas cidades mencionadas, incluindo cerca de mil militantes, para Idlib.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas