Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

VÍDEO mostra fragata norueguesa afundando, tendo colidido após manobras da OTAN

A mídia divulgou novos vídeo e fotos da fragata norueguesa KMN Helge Ingstad, que colidiu com o navio petroleiro Sola TS junto à costa norueguesa em circunstâncias desconhecidas ao regressar das manobras da OTAN.
Sputnik

A fragata ficou com um grande rombo a estibordo atravessando a linha de água, sete marinheiros ficaram feridos. A tripulação abandonou o navio acidentado, que depois foi rebocado para águas menos profundas para evitar seu afundamento total.


Uns dias após o acidente (8), a fragata continua parcialmente acima da superfície da água, mas está completamente assente no fundo. Mais de 10 toneladas de combustível para helicópteros vazou para o mar.

Até o momento, não há nenhumas informações sobre o estado do armamento a bordo, incluindo mísseis de cruzeiro e antiaéreos, torpedos e artilharia.

O petroleiro Sola TS, por sua parte, não sofreu nenhum dano durante a colisão.

As razões do incidente estão sendo investigadas. Entre as possíveis causas estão a navegação da fragata em reg…

Forças governamentais sírias avançam por Guta Oriental perto de Damasco

As forças governamentais sírias avançaram nesta quarta-feira por Guta Oriental, o principal reduto opositor dos arredores de Damasco, onde tomaram o controle de várias áreas, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.


EFE

Beirute - As tropas leais ao governo de Damasco dominaram zonas no leste e sul da cidade de Mesraba, assim como outra em Beit Saua, após combates contra as facções islamitas da Legião da Misericórdia e do Exército do Islã.


Soldados das forças governamentais sírias  em foto de 28 de fevereiro. EFE/ Youssef Badawi
Soldados das forças governamentais sírias em foto de 28 de fevereiro. EFE/ Youssef Badawi

Esta operação terrestre conta com a cobertura da aviação, que hoje realizou mais de 157 bombardeios na região.

Segundo o Observatório, pelo menos cinco civis morreram hoje por ataques aéreos em Yisrin e Saqba.

A agência de notícias oficial síria, "SANA", informou que o exército continuou hoje com suas operações em Guta Oriental, onde ontem à noite realizou um ataque contra remanescentes de "grupos terroristas" em Hush al Ashari e Al Mohamediya, Al Rihan e Mesraba.

As autoridades sírias afirmam que enfrentam em Guta Oriental a Frente al Nusra, como antigamente se denominava a filial síria da Al Qaeda.

As forças governamentais, apoiadas pela Rússia, iniciaram em 25 de janeiro uma incursão terrestre em Guta Oriental, controlada por grupos islamitas e onde pelo menos 104 soldados das tropas fiéis ao presidente Bashar al Assad e 95 insurgentes perderam a vida.

Uma semana antes, as aviações de Síria e Rússia e a artilharia governamental intensificaram seus ataques contra a região, que, de acordo com a última apuração do Observatório, causaram a morte de 810 civis, entre eles 179 menores.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas