Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Portugal - Ministro da Defesa espera acordo com Embraer sobre KC-390 em dois a três meses

O ministro da Defesa Nacional de Portugal, disse nesta segunda-feira que espera chegar a acordo com a Embraer para a compra dos aviões KC-390 nos próximos dois, três meses, afirmando que se não for possível não é dramático.
DefesaNet
"Creio que há condições para chegar a um entendimento dentro dos próximos dois, três meses", afirmou João Gomes Cravinho, ressalvando que, se isso não for possível, "será porque não há condições para isso" e o Governo português extrairá "naturalmente as conclusões".

Em declarações à Lusa à margem de uma visita à Associação de Deficientes das Forças Armadas, em Lisboa, João Gomes Cravinho disse que, neste momento, "existe alguma distância entre as partes" no processo negocial em curso.

"Nós estamos plenamente empenhados em conseguir um acordo e acredito que vamos conseguir um acordo, simplesmente não podemos por de parte a possibilidade de não chegar a um acordo e, nesse caso, não é dramático, o mundo continuará a g…

Marinha dos EUA divulga detalhes de novo 'super drone' militar

A Marinha dos EUA encomendou aeronaves não-tripuladas com capacidade para transportar cargas úteis internas e externas de 4 toneladas, voar em um raio de 1200 quilômetros, fornecer apoio aéreo ofensivo e decolar e aterrar verticalmente.


Sputnik

Os militares querem um drone capaz de carregar dezenas de mísseis diferentes, incluindo um modelo anti-radiação, além de uma arma capaz de matar com precisão extrema e guiada por laser. O drone também deve ser capaz de voar em estado de alerta ou em caso de guerra eletrônica. 


Imagem relacionada
Drone dos EUA | Reprodução

O equipamento seria usado sobretudo para missões de inteligência, vigilância e reconhecimento. As especificações também detalham que os militares esperam uma versão inicial do sistema de operação terrestre até 2025 e do mecanismo de embarque e desembarque vertical na água até 2028. A aeronave totalmente operacional está prevista para 2034.

As empresas interessadas em participar do programa MUX incluem a Bell, Piasecki Aircraft, ARES e Boeing, Lockheed Martin e Northrop Grumman.


Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas