Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Poloneses pedem a Trump ajuda para conseguir indenização da Rússia e Alemanha pela 2ª Guerra

Um auto-proclamado "partido bíblico antiglobalista" pró-EUA e pró-Israel da Polônia, que se autodenomina "Movimento 11 de novembro", criou uma petição no site We the People da Casa Branca pedindo ao presidente Donald Trump ajude a obter "compensação adequada" da Rússia e da Alemanha por danos causados ​​na Segunda Guerra Mundial.
Sputnik

"Os poloneses livres estão apelando para os EUA, o vencedor na Segunda Guerra Mundial e o fiador dos acordos do pós-guerra, para obter ajuda na recuperação das reparações de guerra da Alemanha e da Rússia", diz a petição.


Além de alcançar a "justiça histórica", uma campanha de reparações bem-sucedida desempenharia "um papel fundamental na Polônia, tornando-se um forte aliado dos Estados Unidos diante da ameaça que surge na Europa e na Ásia — um novo Império do Mal".

Falando ao The New American, uma pequena revista de propriedade da John Birch Society, o co-autor e vice-presidente do Movimento 11…

Militantes de Ghouta Oriental introduzem recolher obrigatório e impedem reuniões de civis

Os militantes de Ghouta Oriental introduziram o recolher obrigatório no período das pausas humanitárias e também impedem que os civis realizem reuniões de rua, informou aos jornalistas em 4 de março o representante do Centro para a Reconciliação na Síria russo, major-general Vladimir Zolotukhin.


Sputnik

"De acordo com informação obtida pelo Centro para a Reconciliação, os grupos armados de Ghouta Oriental introduziram o recolher obrigatório para a população local no período das pausas humanitárias. Os civis que violem as regras estabelecidas são sujeitos a punições públicas", disse.


Corredor humanitário entre Damasco e Ghouta Orienta, arquivo
Corredor humanitário entre Damasco e Ghouta Oriental © Sputnik/ Mikhail Alaeddin

Zolotukhin acrescentou também que os militantes impedem os civis de se reunirem para evitar a sua possível fuga através do corredor humanitário.

A sexta pausa humanitária diária entrou em vigor em Ghouta Oriental às 09h00 (02h00, horário de Brasília) de 4 de março. Os militantes continuam detendo os moradores locais, impedindo que estes atravessem o corredor humanitário. Durante todo o período de pausas humanitárias, apenas duas crianças conseguiram fugir usando o corredor. Ontem (3) os militantes dispararam contra o corredor humanitário, ferindo três civis.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas