Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Poloneses pedem a Trump ajuda para conseguir indenização da Rússia e Alemanha pela 2ª Guerra

Um auto-proclamado "partido bíblico antiglobalista" pró-EUA e pró-Israel da Polônia, que se autodenomina "Movimento 11 de novembro", criou uma petição no site We the People da Casa Branca pedindo ao presidente Donald Trump ajude a obter "compensação adequada" da Rússia e da Alemanha por danos causados ​​na Segunda Guerra Mundial.
Sputnik

"Os poloneses livres estão apelando para os EUA, o vencedor na Segunda Guerra Mundial e o fiador dos acordos do pós-guerra, para obter ajuda na recuperação das reparações de guerra da Alemanha e da Rússia", diz a petição.


Além de alcançar a "justiça histórica", uma campanha de reparações bem-sucedida desempenharia "um papel fundamental na Polônia, tornando-se um forte aliado dos Estados Unidos diante da ameaça que surge na Europa e na Ásia — um novo Império do Mal".

Falando ao The New American, uma pequena revista de propriedade da John Birch Society, o co-autor e vice-presidente do Movimento 11…

Militares ucranianos perdem drone em Donbass

Militares ucranianos perderam contato com seu drone que estava realizando manobras de reconhecimento perto da linha de contato em Donbass, afirmou nesta sexta-feira (9) durante um briefing o representante oficial da Milícia Popular da República Popular de Lugansk, Andrei Marochko.


Sputnik

"Militares ucranianos, utilizando veículos aéreos não tripulados, intensificaram a vigilância ao longo da linha de contato, inclusive para ajustar o fogo de artilharia. Ontem (8), na área do povoado de Smeloe, durante um voo sobre nossas posições, foi realizada a aterrissagem forçada de um drone da brigada 58 das Forças Armadas da Ucrânia", assinalou Marochko.


Militar ucraniano lançando drone (imagem referencial)
Militar ucraniano lançando drone © AFP 2018/ Petro Zadorozhnyy

O representante militar detalhou que, segundo dados preliminares, na zona do povoado de Grechishkino está funcionando um sistema de guerra eletrônica devido ao qual os militares ucranianos acabaram perdendo a comunicação com o aparelho.

"Os voluntários comunicaram [nas redes sociais] que os militares ucranianos perderam contato com o drone devido ao sistema de supressão de sinais", revelou Marochko.

O funcionário recordou que a utilização nas proximidades da linha de contato em Donbass de drones, bem como de outros veículos aéreos, é proibida pelos Acordos de Minsk.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas