Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Argentina concorda em construir bases norte-americanas em seu território

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, aprovou a construção no país de várias bases militares dos EUA, informou no sábado (21) o portal mexicano Aristegui Noticias com referência a fontes informadas.
Sputnik

De acordo com o portal, trata-se de ao mínimo três bases militares a serem construídas nas províncias de Neuquén (onde fica a jazida de gás de xisto Vaca Muerta), Misiones e Tierra del Fuego, de onde se pode controlar a Antártida.

A sua criação deve ser financiada pelo Comando Sul dos EUA. Um dos principais adeptos da criação de bases seria a ministra da Segurança da Argentina, Patricia Bullrich.

Além disso, nota o portal mexicano, a ministra elogiou a chegada ao país de instrutores americanos que efetuam a preparação dos policiais argentinos antes da cúpula do G20 em novembro. Isso viola as atuais leis argentinas, porque é necessário obter a autorização do Congresso para tais ações, algo que não foi feito.

Qatar encomenda 28 helicópteros NH90 e 16 H125

O Qatar assinou um contrato para a compra de 28 helicópteros militares NH90, durante a DIMDEX, exposição bienal da defesa do Catar.


Poder Aéreo

Doha – O acordo, que inclui 16 NH90s em configuração de transporte tático (TTH) e 12 NH90s em configuração naval (NFH), apoiará o plano do país para modernizar sua frota de helicópteros militares. Como parte do plano, o Qatar receberá 16 helicópteros monomotores leves H125 em configuração de treinamento para operação pela Qatar Armed Forces Air Academy.

NH90

“Estamos honrados em apoiar as Forças Armadas de Qatar através desta parceria estratégica”, disse Ben Bridge, vice-presidente executivo de negócios globais da Airbus Helicopters. “O NH90 é um recurso moderno e comprovado que atenderá aos exigentes requisitos operacionais do Qatar nas próximas décadas, tanto no transporte de tropas como nas missões navais. Nossa parceria na nova academia de treinamento também fortalecerá a relação entre nossos países, permitindo o intercâmbio de conhecimentos e know-how em operações de helicópteros “, acrescentou.

A Leonardo atuará como contratante principal para a gestão do programa com o cliente final e a Airbus será responsável pela montagem final e entrega de 16 aeronaves NH90 TTH de suas instalações em Marignane, França, enquanto a Leonardo será responsável pela montagem final e entrega dos 12 NH90 NFH helicópteros de suas instalações de Veneza – Tessera no norte da Itália.

O NH90 é adequado para operações nas condições mais exigentes e foi comprovado em muitos teatros de operações em todo o mundo. Este contrato para 28 helicópteros traz o total de encomendas para 543 aeronaves. Até à data, 350 aeronaves foram entregues a 20 clientes em 13 países e acumularam cerca de 170 mil horas de voo.

O programa de helicóptero bimotor NH90 de médio porte é gerenciado pelo consórcio NHIndustries, uma empresa de propriedade da Airbus Helicopters (62,5%), Leonardo (32%) e Fokker (5,5%).

FONTE: Airbus

Postar um comentário

Postagens mais visitadas